PUBLICIDADE
Esportes

Carille elogia sistema defensivo e jogo ?de pé em pé? do Corinthians

O técnico Fábio Carille esperava um jogo de muita pressão do Independiente, mas gostou tanto do desempenho do Corinthians que conseguiu segurar o ímpeto do adversário. Contente pelo triunfo, ele fez questão de exaltar não só a solidez defensiva, mas também as rápidas puxadas de contra-ataque da equipe. ?O que chamou mais a nossa atenção [?]

01:00 | 19/04/2018

O técnico Fábio Carille esperava um jogo de muita pressão do Independiente, mas gostou tanto do desempenho do Corinthians que conseguiu segurar o ímpeto do adversário. Contente pelo triunfo, ele fez questão de exaltar não só a solidez defensiva, mas também as rápidas puxadas de contra-ataque da equipe.

?O que chamou mais a nossa atenção é que o Independiente roda bastante a bola e gosta de aproveitar o centro do campo, o funil. Nós conseguimos fechar bem ali. Com a bola no nosso domínio, tínhamos que terminar de um lado e do outro. De pé em pé conseguimos criar várias oportunidades?, avaliou o treinador, estendendo o mérito a toda a equipe.

?Jogadores se precaveram, se doaram. Para falar do sistema defensivo tem que falar do time inteiro. Já começa a marcação e a posição em um setor do campo mais adiantado. Além do Cássio em uma grande fase?, comentou Carille, que teve ao seu lado o paraguaio Romero, escolhido como destaque da partida pela Conmebol.

?A gente sabia que aqui ia ser muito difícil o jogo com o Independiente?, disse o paraguaio, que pegou algumas dicas do rival com o irmão, Óscar, que atuou no Racing, arquirrival do Rojo.

?Falei com ele (Óscar), sim. Ele falou que ia ser muito complicado, Independiente lutador, gosta de jogar com a bola no chão. A gente conseguiu no primeiro tempo trocar vários passes, conseguimos esse gol que nos deixa perto da classificação?, continuou Romero, passando a bola para Carille arrefecer os ânimos até o outro jogo contra os argentinos, no dia 2 de maio, em Itaquera.

?Temos alguns jogos até a volta contra o Independiente, temmos jogos da Copa do Brasil e do Brasileiro até enfrentar eles de novo. Começamos analisar o adversário para ver como eles se portam fora de casa?, concluiu o comandante corintiano.

Com o resultado, o Timão chega a sete pontos conquistados na disputa, abrindo três de vantagem sobre o Millonarios, segundo colocado, e quatro sobre os argentinos e os venezuelanos do Deportivo Lara. Agora, serão dois jogos em casa e apenas um como visitante, um grande passo rumo à vaga nas oitavas.

Na próxima rodada da chave, os dois times voltam a se enfrentar, dessa vez na Arena, às 21h45 (de Brasília) do dia 2 de maio. Antes disso, porém, os comandados de Carille têm alguns jogos para resolver em cenário nacional. O primeiro deles no domingo, às 11h (de Brasília), contra o Paraná, na Vila Capanema, em Curitiba.

Gazeta Esportiva

TAGS