?Meio gol?, passes e até marcação: Danilo impressiona em jogo-treinoSport Club Corinthians Paulista | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


?Meio gol?, passes e até marcação: Danilo impressiona em jogo-treino

O meia Danilo já é um patrimônio da história do Corinthians e tem lugar assegurado como um dos maiores vencedores do Alvinegro, mas demonstrou na manhã desta terça-feira que tem condição de contribuir ainda dentro de campo para o sucesso do clube. Escalado como centroavante no jogo-treino contra o Nacional-SP, no CT Joaquim Grava, o [?]

16:15 | 30/01/2018

O meia Danilo já é um patrimônio da história do Corinthians e tem lugar assegurado como um dos maiores vencedores do Alvinegro, mas demonstrou na manhã desta terça-feira que tem condição de contribuir ainda dentro de campo para o sucesso do clube. Escalado como centroavante no jogo-treino contra o Nacional-SP, no CT Joaquim Grava, o camisa 20 não deixou a desejar com relação aos outros nomes disponíveis para a posição.

Ainda que se considere a fragilidade do adversário, apenas o 10º colocado da Série A-2 do Campeonato Paulista, o jogador praticamente dominou seus marcadores, retendo a bola, conseguindo giros e bons passes para distribuir o jogo. A coroação veio com um gol ainda no primeiro tempo, desviando levemente uma falta cobrada por Mateus Vital. O árbitro e o Centro de Inteligência do Futebol (Cifut), porém, anotaram o tento para o jovem armador.

Visto como um ?falso 9? por Carille pelas características e pelos 38 anos de idade (que serão 39 ao final da temporada), Danilo surpreendeu ao realizar a cobertura de Lucca, que perdera a bola pouco antes no ataque. Com disposição, ele acompanhou o lateral esquerdo do adversário, realizou um primeiro desarme e foi fundamental para tirar a velocidade do lance, que acabou com Mantuan afastando o perigo.

Além do tento marcado por ele próprio, Danilo ajudou também em duas bolas aéreas defensivas, nas quais foi responsável por proteger a primeira trave. Selou sua participação em rápido ataque puxado por Lucca, no qual ele recebeu dentro da área e só rolou para a chegada de Camacho. O volante levou a bola do pé direito para o esquerdo e contou com um desvio em seu chute para chegar ao 4 a 0.

O bom desempenho de Danilo impressionou membros da comissão técnica, que consideraram um nível de atuação surpreendente para quem passou os últimos 18 meses praticamente parado, tentando recuperar-se dos problemas físicos causados pela fratura na fíbula da perna direita, ocorrida em agosto de 2016. Soma-se a isso o fato de o canhoto ter perdido boa parte da pré-temporada por conta de um incômodo muscular na panturrilha da perna direita, atrapalhando sua preparação.

Enquanto o maestro da última década corintiana mostrava que pode ajudar o Timão neste ano, as outras duas opções utilizadas no setor na temporada realizavam um trabalho tático-técnico em outro gramado. Kazim, que mais uma vez não agradou ao ter chance de encarar o São Paulo, movimentou-se ainda com os titulares. Júnior Dutra, segunda opção, ficou entre os reservas escolhidos para a atividade, como o volante Maycon e o meia Marquinhos Gabriel.

A definição de quem será esse goleador, por sinal, é o que mais chama atenção na semana cheia de treinamentos da equipe até o confronto contra o Novorizontino, marcado para o domingo, às 19h30 (de Brasília), na casa do adversário. Pelo desempenho recente, Dutra é quem sai na frente na disputa com o turco. Danilo, a princípio, fica apenas como uma opção no banco de reservas.

Gazeta Esportiva

TAGS