PUBLICIDADE
Esportes

Carille escala Sheik e Danilo para jogo-treino contra o Nacional

O técnico Fábio Carille utilizou o treino desta segunda-feira, no CT Joaquim Grava, para montar o time que vai encarar o Nacional, em jogo-treino marcado para as 10h (de Brasília), no próprio local de atividades do elenco. Sem os titulares, que realizaram apenas um trabalho regenerativo, o comandante corintiano montou uma equipe com os experientes [?]

17:15 | 29/01/2018

O técnico Fábio Carille utilizou o treino desta segunda-feira, no CT Joaquim Grava, para montar o time que vai encarar o Nacional, em jogo-treino marcado para as 10h (de Brasília), no próprio local de atividades do elenco. Sem os titulares, que realizaram apenas um trabalho regenerativo, o comandante corintiano montou uma equipe com os experientes Emerson Sheik e Danilo no comando do ataque.

A escalação foi separada logo após o aquecimento, contando também com a participação do recém-chegado zagueiro Henrique, apresentado pouco antes como o sexto reforço para a temporada. O time montado pelo treinador, que deve atuar pela maior parte no embate diante do time da Barra Funda, teve Caíque; Mantuan, Léo Santos, Henrique e Guilherme Romão; Renê Júnior, Lucca, Camacho, Mateus Vital e Emerson Sheik; Danilo.

Bastante participativo, Carille pediu movimentação dos seus homens de frente e explicou didaticamente qual era o posicionamento que queria dos jogadores do meio-campo, setor que tinha apenas Camacho entre os remanescentes da última temporada. Depois foi a hora de trabalhar as bolas paradas, orientando os jogadores a sair apenas na hora da batida na bola, procurando deixar o adversário mais apressado em condição de impedimento.

O trabalho, que durou cerca de 40 minutos, recebeu aplausos ao final pela dedicação dos jogadores. Sheik, que correu bastante, foi quem mais apresentou dificuldades em seguir as orientações, errando alguns passes na hora de levar o time ao ataque. Vital, que mostrou categoria para tirar de Mateus e fazer um gol, foi elogiado por Carille no encerramento. Romão e Mantuan, dois jovens da base, fizeram um trabalho posterior com o auxiliar Leandro Cuca, procurando melhorar na bola aérea.

No campo ao lado, jogadores que não foram inscritos no Paulista e os reservas mais utilizados, como o meia Marquinhos Gabriel, o volante Maycon e o atacante Júnior Dutra, realizaram um treino técnico em campo reduzido. O destaque ficou por conta do meia Pedrinho, ausente até da lista de relacionados para o Majestoso, autor de dois gols e de jogadas de efeito. O zagueiro João e o lateral esquerdo Carlos, que jogaram a Copinha, também estiveram na movimentação.

As ausências foram o zagueiro Vilson, recuperando-se de cirurgia no joelho esquerdo, e o volante Paulo Roberto, em tratamento para uma dor muscular na coxa direita. Carlinhos, por sua vez, fez cirurgia para a retirada do dente do siso e foi liberado, devendo ser reintegrado durante a semana.

Gazeta Esportiva

TAGS