PUBLICIDADE
Esportes

Carille elogia futebol do time e dá méritos a ?Ortega? por gols do Galo

O técnico Fábio Carille fazia questão de levantar a taça de campeão brasileiro com vitória na tarde deste domingo, no estádio de Itaquera, mas teve de se contentar com o empate por 2 a 2 do Corinthians diante do Atlético-MG, em partida válida pela 37ª rodada da competição. Para o treinador, porém, há de se [?]

20:00 | 26/11/2017

O técnico Fábio Carille fazia questão de levantar a taça de campeão brasileiro com vitória na tarde deste domingo, no estádio de Itaquera, mas teve de se contentar com o empate por 2 a 2 do Corinthians diante do Atlético-MG, em partida válida pela 37ª rodada da competição. Para o treinador, porém, há de se ressaltar o bom futebol desempenhado pela equipe nos 90 minutos da partida diante dos mineiros.

?Era importante jogar bem, sim, para a festa ficar mais bonita. Buscamos a vitória, falei muito na preleção, pedi para a gente ganhar para a festa ficar bonita. Mas gostei do volume de jogo que a gente apresentou?, avaliou o treinador, que ressaltou a dificuldade encontrada pela equipe com a bola parada do meia venezuelano Otero, autor de um gol e do passe para o marcado por Fred, no segundo tempo.

?Hoje (domingo) tem que ressaltar: o que esse Ortega bate na bola??, começou a falar o comandante, rapidamente corrigido pelas pessoas presentes na sala de imprensa do local. ?É Ortega? Ah, Otero, isso mesmo?, corrigiu-se Carille, que não economizou nos elogios ao armador.

?Bateu escanteio perigoso de todo jeito, aberto e fechado, quase fez um olímpico ali, de três dedos. O Atlético é um time forte por cima, Leonardo e Fred. Mérito da equipe deles, muito forte na bola parada?, observou o comandante, mais tranquilo para analisar as atuações com o título assegurado desde a 35ª rodada.

Assistido por diversos familiares, que entraram na sala de imprensa quando ele dava explicações sobre o embate contra os mineiros, Carille ainda fez questão de exaltar a participação da torcida. Quando tocou a taça, ele fez questão de levá-la a alguns aficionados posicionados no setor Norte da arena.

?Foi legal aquele momento, quis mesmo participar com eles ali. Sempre são importantíssimos, mas teve vários momentos que foi fundamental a participação deles. É um momento único, tem que compartilhar bastante com a torcida?, concluiu.

Gazeta Esportiva

TAGS