PUBLICIDADE
Esportes

Arana nega torcer contra, mas vê ?ano perfeito? com fracasso de rival

O lateral esquerdo Guilherme Arana tentou se conter ao falar sobre a situação delicada do próximo adversário do Corinthians no Campeonato Brasileiro. Não conseguiu. Inicialmente elogioso ao São Paulo, um dos integrantes da zona de rebaixamento da competição que a sua equipe lidera, ele deixou um sorriso escapar quando o assunto era o futuro do [?]

12:45 | 22/09/2017

O lateral esquerdo Guilherme Arana tentou se conter ao falar sobre a situação delicada do próximo adversário do Corinthians no Campeonato Brasileiro. Não conseguiu. Inicialmente elogioso ao São Paulo, um dos integrantes da zona de rebaixamento da competição que a sua equipe lidera, ele deixou um sorriso escapar quando o assunto era o futuro do rival.

?É uma pergunta difícil. Eu me preocupo mais em fazer o meu trabalho. Estamos em uma grande fase. É difícil ver um time grande como o São Paulo, que geralmente está lutando por títulos, brigando para não cair?, comentou Arana, nesta sexta-feira, antes de ver a sua seriedade fraquejar. ?Só que defendo a minha camisa. Seria um ano perfeito se eles dessem uma tropeçada?, admitiu, rindo.

O São Paulo já tropeçou bastante ao longo do Campeonato Brasileiro. Com 27 pontos ganhos (26 atrás do primeiro colocado Corinthians), o time do Morumbi só faz campanha melhor do que Coritiba (27), Vitória (26) e Atlético-GO (22) e precisa de um bom resultado no clássico da manhã de domingo, em casa, para se distanciar das últimas colocações.

?Não torço para o rival cair. Faço o meu trabalho, concentrado no Corinthians. Do outro lado, eles que se virem?, disse Arana, sisudo novamente, rejeitando até que as adversidades do São Paulo tornem o Corinthians favorito no confronto da próxima rodada. ?São duas camisas com um peso enorme, um clássico. Não muda nada, com o São Paulo na zona de rebaixamento ou brigando pelo título.?

O lateral esquerdo corintiano também negou que fará gozações caso conquiste uma vitória sobre o São Paulo ou o seu ?ano perfeito? se concretize. Quando enfrentou o Palmeiras pelo Campeonato Brasileiro, Arana marcou o segundo gol da vitória por 2 a 0 no Palestra Itália, festejou com uma gargalhada e provocou amigos palmeirenses nas entrevistas que concedeu ao término da partida.

?Desta vez, não vou fazer isso. A maioria dos meus amigos são palmeirenses. Só tem um ou outro são-paulino, com quem não tenho muita afinidade. Então, não vai ter recado para ninguém nesse jogo?, assegurou Guilherme Arana, que tem presença certa no gramado do Morumbi após se recuperar de uma lesão muscular e ser poupado do empate por 0 a 0 com o Racing, na Argentina, pela Copa Sul-Americana.

Gazeta Esportiva

TAGS