PUBLICIDADE
Cearenses
NOTÍCIA

Ferroviário perde a liderança, mas Francisco Diá ressalta boa pontuação no turno

Tubarão agora é o segundo, dois pontos acima do primeiro time fora do G4. Floresta vem brigando contra o rebaixamento

Lucas Barbosa
19:12 | 25/07/2021
Floresta e Ferroviário empataram em 1 a 1 em jogo disputado no sábado, 24, no Vovozão, pela Série C 2021 (Foto: Fábio Lima)
Floresta e Ferroviário empataram em 1 a 1 em jogo disputado no sábado, 24, no Vovozão, pela Série C 2021 (Foto: Fábio Lima)

O empate contra o Floresta, no sábado, 24, tirou do Ferroviário a liderança do grupo A da Série C 2021. O Botafogo-PB, que venceu o Santa Cruz, também no sábado, por 1 a 0, ultrapassou o Tubarão e é o novo líder da chave. O 1 a 1 no estádio Carlos de Alencar Pinto, o Vovozão, deixou o Ferroviário com os mesmos 15 pontos do clube paraibano, mas o Botafogo tem melhor saldo de gols: 5 a 1.

Apesar da perda da liderança, o técnico Francisco Diá, em entrevista coletiva após o jogo contra o Floresta, destacou estar satisfeito com a pontuação obtida pelo time ao término do primeiro turno da competição. Quinze pontos, afirmou, é “muito ponto”. “Eu acredito que seja o suficiente, se a gente fizer esse mesmo número de pontos no segundo (turno), para nos classificarmos”. O técnico ainda destacou que o time chegou ao quarto jogo seguido sem derrota. Além da liderança, o Ferroviário precisa olhar para baixo. O time terminou a rodada apenas dois pontos à frente do primeiro time fora da zona de classificação para a segunda fase, o Paysandu.

Para Diá, o jogo contra o Floresta teve dois tempos distintos. No primeiro, o Floresta teria conseguido neutralizar as principais jogadas do Ferroviário, mas, no segundo, o time conseguiu dominar as ações. "(O Floresta) Fez um enchimento no meio-campo com cinco jogadores, com três volantes. Deixava nossos três zagueiros batendo, como se diz na gíria do futebol, praticamente sem função. E, logo no primeiro tempo, eu fiz a substituição porque nós perdíamos, naquele momento, o nosso meio-campo. A equipe entrou no jogo, tomamos conta do meio-campo. E, veio o segundo tempo, e, logo no início, fomos surpreendidos com aquele gol, mas depois a equipe teve a competência de ir buscar o ponto, que é importante para caminhar em busca da classificação”. O Ferroviário veio conseguir o empate aos 47 do segundo tempo, em gol contra de Jô.

E é justamente o líder Botafogo-PB o próximo adversário do Tubarão na Série C. No próximo sábado, 31, também no Vovozão, as duas equipes se enfrentam às 19 horas. No primeiro turno, as duas equipes empataram em 0 a 0 no Almeidão, em João Pessoa (PB).

O Floresta, por sua vez, estacionou na oitava posição e só não entrou na zona do rebaixamento porque o Jacuipense-BA empatou em 2 a 2 com o Altos-PI. O Verdão só está um ponto acima da zona do descenso. Jacuipense e Floresta se enfrentam na próxima rodada da Série C, que ocorre no sábado, às 15 horas, no estádio de Pituaçu, em Salvador.

Após o jogo, o técnico Leston Júnior afirmou que o Floresta tem produzido “para almejar algo a mais na competição”. Ele ainda falou sobre a perspectiva de classificação e rebaixamento. “Tem sido uma competição com muito empate e isso acaba diminuindo um pouco o número de corte, tanto do descenso, quanto de classificação. Historicamente, se nós pegarmos as edições anteriores, 21 e 27 são as pontuações de não cair e classificar. Mas, pelo que tá se desenhando, a tendência é, talvez, diminuir essa margem”.