Participamos do

Na final do Cearense, Clássico-Rei chegou à média de uma falta a cada dois minutos

Rafael Traci apitou a decisão entre Ceará e Fortaleza, em que as equipes cometeram 49 infrações
12:36 | Mai. 24, 2021
Autor Horácio Neto
Foto do autor
Horácio Neto Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O Clássico-Rei protagonizou um duelo truncado, de força e imposição física. Os dois clubes rivais cometeram 49 faltas na final do Cearense, conseguindo uma média de 0,54 infrações por minutos, uma a cada 120 segundos. Rafael Traci, arbitro da decisão, ainda distribuiu três amarelos para o campeão Fortaleza e outros quatro para o vice Ceará.

+Luiz Otávio despreocupa torcida do Ceará após lesão no Clássico: "Já a gente está de volta"

+Fortaleza monitora situação de Edinho e tem interesse em retorno

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Ainda no primeiro tempo, as equipes já haviam quebrado a barreira das 20 faltas, o Tricolor cometeu 14 e o Alvinegro sete. Na segunda etapa, os dois rivais continuaram no mesmo ritmo indisciplinar, o Leão chegou as 26 infrações e o Vovô as 23.

A decisão do Campeonato Cearense ainda teve sete cartões amarelos. Pelo lado Tricolor, o zagueiro Titi, o lateral Carlinhos e o atacante David foram advertidos. No Vovô foram amarelados Gabriel Dias, Jorginho, Fernando Sobral e o treinador Guto Ferreira.

O grande número de faltas foi tema da coletiva de Guto Ferreira. O treinador do Ceará ironizou a arbitragem do Clássico-Rei dizendo: “Quando é futebol, a gente consegue jogar, agora quando é luta livre, handebol, a gente não tem condições de jogar".

Após a nervosa decisão do Estadual, Ceará e Fortaleza ainda se encontrarão outras quatro vezes na temporada, duas pela Copa do Brasil e outras duas no Brasileirão. Os clubes já enfrentaram três vezes em 2021, com um empate (Copa do Nordeste) e duas vitórias do Tricolor (no Cearense).

+Vojvoda celebra primeiro título na carreira à frente do Fortaleza: "Feliz e agradecido"

Com a conquista, o Fortaleza começa a preparação para a estreia no Brasileirão contra o Atlético-MG, neste domingo, 30, às 11 horas, no Mineirão. Já o Ceará tem confronto no meio de semana contra o Jorge Wilstermann, pela Sul-Americana, nesta quinta-feira, 27, às 19h15min, no Felix Capriles, na Bolívia.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags