PUBLICIDADE
Cearenses
Noticia

Floresta enfrenta Novorizontino-SP para largar em vantagem na semifinal da Série D

Verdão da Vila Manoel Sátiro conquistou acesso inédito à Série C e agora almeja disputar a decisão da quarta divisão nacional. Rival tem melhor campanha entre os semifinalistas

Victor Hugo Pinheiro
14:58 | 15/01/2021
Floresta quer manter os 100% no Castelão na Série D (Foto: Ronaldo Oliveira /ASCOM Floresta EC)
Floresta quer manter os 100% no Castelão na Série D (Foto: Ronaldo Oliveira /ASCOM Floresta EC)

Após conquistar o acesso à Série C, o Floresta tem outro objetivo no Campeonato Brasileiro da Série D: a conquista do título inédito. Para chegar à final, o Verdão da Vila Manoel Sátiro encara o Novorizontino-SP em duas partidas. O confronto de ida das semifinais é disputado na Arena Castelão, às 18 horas, neste sábado, 16. Com 100% de aproveitamento em casa na fase eliminatória, o Lobo almeja manter o retrospecto perfeito para vencer o Tigre e largar em vantagem.

O Floresta terminou a fase de grupos com 24 pontos e, no mata-mata, já eliminou Itabaiana-SE, Juventude-MA e América-RN. O time comandado pelo técnico Leston Júnior teve o mesmo desempenho nas três eliminatórias: venceu em casa e empatou fora. No total, foram nove vitórias, nove empates e duas derrotas na Série D do Brasileiro. A força como mandante é o trunfo para o Verdão se aproximar da vaga na decisão. Com uma mescla de jogo ofensivo e defesa segura, o Lobo sabe que a campanha, que já é histórica, pode ser ainda melhor.

Aliás, o ataque é o ponto forte da campanha: são 33 gols em 19 partidas. A equipe só saiu de campo sem marcar somente na derrota para o Afogados, por 1 a 0, logo na primeira rodada. A maioria dos gols saíram dos atacantes Deysinho (sete) e Flávio Torres (seis). A dupla tem sido fundamental para o sucesso do Lobo. 

Quando os titulares não resolvem, as opções do banco contribuem, como aconteceu no empate em 1 a 1 contra o América-RN, quando atacante Núbio Flávio entrou no decorrer da partida e marcou. Poucos minutos em campo foram suficientes para o jogador, com apenas um toque na bola, assegurar o acesso à Série C de 2021, em seu segundo gol pelo Lobo.

Derrotar o Novorizontino não será tarefa fácil, visto que o clube paulista tem a melhor campanha da Série D entre os semifinalistas. O Tigre disputou 20 partidas (13 vitórias, 5 empates e 2 derrotas), fez 29 gols e sofreu nove — a melhor defesa da competição. O time comandado por Roberto Fonseca terminou a fase de grupos como líder, com 31 pontos, e eliminou Cascavel-PR, Goiania-GO e Fast-MA nas fases de mata-mata.

O Tigre tem uma linha defensiva formada por três jogadores experientes com passagens por clubes tradicionais do futebol brasileiro. O goleiro Giovanni defendeu o Atlético-MG por oito temporadas e os zagueiros Bruno Aguiar e Édson Silva atuaram em Santos-SP e São Paulo, respectivamente.

Após poupar os titulares na estreia da Taça Fares Lopes, Leston Júnior terá força máxima para a partida de ida da semifinal. O meio-campo Renê está recuperado de lesão e pode aparecer como opção no banco de reservas.

Floresta x Novorizontino

Floresta
4-3-3: Douglas Dias; Lito, Willian.Goiano, Alisson, Fábio. Alves; Jô, Marconi, Thalison; Deysinho, Luis Soares, Flávio Torres.  Técnico: Leston Júnior.

Grêmio Novorizontino
4-3-3: Giovanni; Felipe Rodrigues, Édson Silva, Bruno Aguiar, Paulinho; Léo Baiano, João Pedro, Pereira; Cléo Silva, Danielzinho, Guilherme Queiroz. Técnico: Roberto Fonseca.

Local: Arena Castelão, em Fortaleza
Data: 16/1/2021
Horário: 18 horas
Árbitro: Andrey da Silva E Silva (PA)
Assistentes: Marcio Gleidson Correia Dias (PA) e Bárbara Roberta da Costa Loiola (PA)
Transmissão: TV Brasil e Mycujoo