PUBLICIDADE
Cearenses
NOTÍCIA

Ceará obteve placar para ser campeão estadual oito vezes em 2020; Fortaleza perdeu duas vezes assim

Os rivais fazem a partida de volta da final do Campeonato Cearense 2020, com vantagem para o Leão

Gabriel Lopes
15:50 | 21/10/2020
Ceará, de Sobral, e Fortaleza, de David, se enfrentam (Foto: Aurelio Alves/ O POVO)
Ceará, de Sobral, e Fortaleza, de David, se enfrentam (Foto: Aurelio Alves/ O POVO)

Na noite desta quarta-feira, 21, às 21h30min, na Arena Castelão, Ceará e Fortaleza fazem a partida de volta da decisão do Campeonato Cearense 2020. O Leão venceu por 2 a 1 no jogo de ida, realizado dia 30 de setembro. Assim, para que o Vovô reverta a vantagem e seja campeão estadual, deverá vencer por pelo menos dois gols de diferença, já que a igualdade de saldo dá o título ao Tricolor, que teve melhor campanha na segunda fase do certame. Em 2020, o Alvinegro conseguiu o resultado que garante a conquista em oito oportunidades. Por outro lado, os comandados de Rogério Ceni só foram derrotados por esta diferença duas vezes.

Em sete das oito vezes que venceu por pelo menos dois gols de diferença na temporada o Ceará era comandado por Guto Ferreira. Esses jogos se dividem em Campeonato Cearense (uma vez), Copa do Brasil (duas vezes), Copa do Nordeste (duas vezes, uma com Enderson Moreira no comando) e Campeonato Brasileiro (três vezes).

Em oposição, o Fortaleza só foi derrotado em 2020 pela diferença que tiraria o título estadual em duas oportunidades, uma na Copa do Nordeste e outra no Brasileirão. O Leão vem se destacando pelo sistema defensivo na temporada e possui atualmente a melhor defesa do Campeonato Brasileiro, com 11 tentos sofridos em 16 jogos.

Em Clássicos-Rei, a última vez que o Vovô derrotou o Leão por pelo menos dois gols aconteceu em 2018, na primeira fase do Campeonato Cearense daquele ano. O Alvinegro venceu por 2 a 0, com gols de Valdo e Elton.

O Ceará vai em busca do 46º título estadual, enquanto o Fortaleza quer a 43ª conquista do torneio. O Tricolor é o atual campeão e almeja o bicampeonato consecutivo.