Participamos do

Torcedores denunciam que estão sendo barrados nos estádios cearenses por levarem material antifascista

Representantes das três principais torcidas antifascistas do futebol cearense participaram do debate no programa "Revista O POVO" nesta terça-feira
18:30 | Fev. 04, 2020
Autor O Povo
Foto do autor
O Povo Jornal
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O lado social/político da atuação das torcidas dos times cearenses foi uma das pautas de destaque na programação da rádio O POVO/CBN nesta terça-feira, 4. Representantes das três principais torcidas antifascistas do futebol cearense foram convidados para um debate no programa Revista O POVO. Participaram do debate Joaquim Sobreira, da Vozão Antifa (do Ceará), Leonardo Carneiro, da Resistência Coral, do Ferroviário, e Bantim Júnior, da Resistência Tricolor (do Fortaleza).

O principal tema discutido foi a denúncia dos representantes das torcidas locais que alegam estarem sendo barradas pela Polícia ao ingressarem nos estádios, por usarem camisas e faixas com mensagens políticas, de combate ao fascismo. O motivo, segundo relatam os torcedores, é que as mensagens que eles estampavam poderiam “incitar a violência”.

O debate no “Revista O POVO” foi conduzido pela apresentadora Maísa Vasconcelos e contou ainda com a participação do jornalista Bruno Balacó.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Acompanhe o debate:


Listen to "Torcidas antifascistas estado do Ceará denunciam ações de policiais militares" on Spreaker.

VEJA TAMBÉM:Conheça as torcidas antifascistas de Ceará, Fortaleza e Ferroviário


Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags