PUBLICIDADE
Cearenses
NOTÍCIA

Ex-atacante Vinícius reedita parceria com Zé Teodoro e é o novo auxiliar técnico do Ferroviário

Com passagens marcantes como jogador atuando por Ceará e Fortaleza nos anos 2000, Vinícius falou ao Esportes O POVO sobre o novo desafio na carreira.

Bruno Balacó
18:34 | 18/12/2019
Fortaleza, CE BR - 18.12.19 Ferroviario Atletico Clube faz treinamento preparativo  para Campeonato Cearense 2020 na foto, Zé Teodoro, Trinador e Vinícius, auxiliar técnico (Foto: Fco Fontenele/O POVO) (Foto: FCO FONTENELE)
Fortaleza, CE BR - 18.12.19 Ferroviario Atletico Clube faz treinamento preparativo para Campeonato Cearense 2020 na foto, Zé Teodoro, Trinador e Vinícius, auxiliar técnico (Foto: Fco Fontenele/O POVO) (Foto: FCO FONTENELE)

Não é só nas quatro linhas que o Ferroviário tem se reforçado para a próxima temporada. O novo contratado coral não entra em campo, mas tem um currículo vitorioso futebol cearense: o ex-atacante Vinícius, anunciado nesta quarta-feira, 18, como novo auxiliar técnico do clube e coordenador das categorias de base.

No Ferrão, Vinícius reeditará uma parceria com Zé Teodoro, atual técnico do time coral. Em 2006, os dois foram campeões cearenses pelo Ceará. Na ocasião, Zé Teodoro era o treinador e Vinícius uma das estrelas do ataque alvinegro, que marcou o gol que selou a conquista, na vitória de 2 a 0 sobre o Fortaleza. Antes, havia feito história também no Tricolor do Pici, com dois títulos cearenses, além de ter sido um dos destaques na campanha do acesso para a Série A, em 2002, ano em que o Leão foi vice-campeão da Segundona.

Em entrevista ao O POVO, Vinícius, hoje com 46 anos, conta que o convite veio em ótima hora, já que vinha se capacitando para assumir um desafio como esse. “Eu estava estudando lá no Rio de Janeiro e recebi o convite do Jurandi Júnior (executivo de futebol do Ferroviário) e nem titubeei. Disse logo: tô dentro, para a gente poder fazer o Ferroviário se classificar para a Copa do Brasil e subir para a Série B”, declarou.

Aposentado dos gramados desde 2008, o ex-atacante celebrou ainda o reencontro com Zé Teodoro no Ferrão. “Já na época de jogador, a gente tinha um entendimento muito grande, uma amizade. Agora é só dar sequência. Temos um conhecimento no futebol. Agora, vamos procurar agregar valores e fazer com que o Ferroviário chegue ao lugar onde merece. Tô animado com essa parceria. É uma coisa nova pra mim. Vou continuar estudando. É gratificante estar aqui com o professor Zé Teodoro, depois de trabalhar com ele em 2006 (no Ceará) e depois no Sport. Estamos juntos para fazermos uma grande equipe e conquistar títulos”, destacou Vinícius, que em 2020, além de auxiliar do time profissional, será o comandante do time Sub-19 do Ferrão.

Também em conversa com a reportagem do O POVO, Zé Teodoro enalteceu a chegada de Vinícius para ajudá-lo na comissão técnica coral. “É um jogador que já trabalhou e foi campeão comigo, que conheço bem. Tá merecendo uma oportunidade de começar agora. Abrimos as portas para ele aprender, para ele ver a situação, que é bem diferente do tempo que ele jogava. Ele é muito bom profissional. Vai nos ajudar muito. Com certeza vai acrescentar e nós temos mais é que ajudar esse jovem que vem fazendo cursos e trabalhos nas categorias de base, nas escolinhas. Ele vai ajudar e, quem sabe, pode dar a mesma sorte que deu pra gente quando fomos campeões pelo Ceará, em 2006.