PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Ferroviário empata na estreia da Série C

O Tubarão volta a jogar a Terceirona após 13 anos

19:05 | 28/04/2019
Ferroviário estreou com empate contra o Botafogo-PB no estádio Almeidão, em João Pessoa
Ferroviário estreou com empate contra o Botafogo-PB no estádio Almeidão, em João Pessoa(Foto: Lenilson Santos / Ferroviário)

Ferroviário e Botafogo-PB ficaram no empate em 1 a 1 na abertura da Série C do Campeonato Brasileiro. A partida, disputada no estádio Almeidão, em João Pessoa (PB), marcou o retorno do Tubarão da Barra do Ceará à Terceirona após 13 anos. Mas quem saiu na frente foi o Belo.

Aos 29 minutos da primeira etapa, o artilheiro da equipe paraibana, o centroavante Nando, apareceu sozinho após bola parada e testou para dentro da meta de Nícolas, goleiro da equipe cearense. A atuação do atacante era discreta até então.

Perto do fim do primeiro tempo, aos 42 minutos o Ferrão igualou. Após falta cobrada pelo lateral-esquerdo Fábio Alves, o atacante Edson Cariús - sempre ele - apareceu sozinho e, também de cabeça, igualou o placar. A falta que originou o lance foi contestada por Evaristo Piza, treinador do Botafogo-PB.

Na segunda etapa da partida, o time coral chegou perto da virada, novamente com Cariús. Após falha da zaga do Botafogo, aos 15 minutos, o artilheiro do Cearense 2019 e da Série D 2018 entrou pela diagonal da área alvinegra e mandou perto da trave.

Com jogo truncado e passes errados dos dois lados, o Tubarão foi pressionado. Destaque técnico da equipe paraibana, o meia Clayton fez jogada pela direita e a zaga cortou mal. Juninho, então, pegou a sobra e mandou na trave. A bola voltou, outra vez, para o estreante Hiago, ex-Fortaleza, que teve chute interceptado pela zaga coral.

No lance, o Belo chegou a pedir pênalti, reclamando que a bola teria batido na mão de defensor coral, mas o árbitro mandou seguir. Dois minutos antes, Nando foi segurado e caiu dentro da área, em outro lance que a comissão técnica do Botafogo-PB se queixou da arbitragem.

Para o técnico Marcelo Vilar, do Ferroviário, o gol de Cariús é fruto de jogada treinada pela equipe diariamente. Ele lamentou as chances não aproveitadas pelo time e criticou o gol botafoguense, já que Nando estaria impedido.

"É uma competição muito complicada. Ainda mais o Botafogo-PB, que é um dos times, na minha opinião, favoritos a subir. Você conseguir frear o time deles na estreia foi muito importante hoje", avaliou o treinador do Ferroviário, Marcelo Vilar.

Ainda segundo ele, os próximos desafios do Tubarão serão igualmente difíceis. O Ferroviário entra em campo no próximo domingo, 5, no Castelão, contra Santa Cruz-PE. Depois, Náutico-PE, fora de casa. "Teoricamente, os três times que mais se prepararam para a competição", entende o técnico. A próxima parada do Botafogo-PB é em São Luís, no próximo sábado, 4, contra o Sampaio Corrêa-MA.

Tabela

Confira na página 26 a classificação atualizada do Grupo A da Série C. O Ferroviário divide a quarta colocação com o Botafogo-PB. Santa Cruz e Treze estreiam hoje

Campeonato Brasileiro - Série C

1x1

Botafogo-PB

4-4-2: Saulo; Israel, Lula, Donato e Fábio Alves; Rogério, Marcos Vinicius (Hiago), Juninho (Erivelton), Clayton e Dico (Felipe Alves); Nando.

Téc.: Evaristo Piza.

Ferroviário

4-4-2: Nícolas; Lucas Mendes, Afonso, Da Silva e Zeca; Mazinho, Gleidson, Leanderson (Jean Henrique) e Janeudo (Michael); James Dean (Jeferson Caxito) e Edson Cariús. Téc: Marcelo Vilar.

Local: estádio Almeidão, em João Pessoa-PB

Data: 28/4/2019

Árbitro: Hélder Brasileiro de Aquino (AL)

Assistentes: Esdras Mariano (AL) e Brigida Cirilo Ferreira (AL)

Cartões amarelos: Fébio Alves, Dico, Rogério, Clayton (Botafogo-PB); Lucas Mendes, Leanderson, Edson Cariús (Ferroviário).

Gols: Nando (Botafogo-PB), aos 29MIN/1ºT e Cariús (Ferroviário), aos 42MIN/1ºT

Carlos Holanda