PUBLICIDADE
Esportes

Guarani de Juazeiro é suspenso por 180 dias pelo STJD

23:16 | 21/01/2019
NULL
NULL
[FOTO1]Vice-lanterna do Campeonato Cearense, o Guarani de Juazeiro foi surpreendido na noite desta segunda-feira, 21, com uma decisão da 1ª comissão disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), apenando o time com multa de R$ 36 mil e suspensão de 180 dias. O Leão do Mercado ainda pode recorrer ao Pleno.

O bugre juazeirense foi incurso nos artigos 191, 214, 220-A, 234 e 235 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva CBJD, que significam, respectivamente, deixar de cumprir obrigação legal, incluir em súmula atleta irregular, deixar de colaborar para apuração de irregularidades, falsificação de documento e atestar documentação falsa.

As acusações são de um processo movido pelo Tiradentes no ano passado, logo após o fim do Estadual. Na intenção de escapar do rebaixamento, o Tigre entrou com um processo alegando que o Guarani possuía atletas com documentação irregular (inclusive com falsificações). O Esportes O POVO tentou contato com o advogado que entrou com a denúncia na época para conseguir mais detalhes, mas as ligações não foram atendidas.

Tentamos também contato com o ex-dirigente e atual técnico do do Guarani de Juazeiro, João Severo, mas o número estava fora de área. Setoristas do time, no entanto, afirmam ao Esportes O POVO que o Leão do Mercado vai recorrer da decisão e tentará um efeito suspensivo para que o caso só volte a ser julgado depois ao fim do Campeonato Cearense.

A Federação Cearense de Futebol garante que o jogo desta quarta-feira, 23, entre Guarani de Juazeiro e Guarany de Sobral, no Romeirão, está mantido, por ainda estar dentro do período para entrar com recurso. 

TAGS