PUBLICIDADE
Esportes

Relembre jogadores que viraram a casaca entre Ceará e Fortaleza

O caso mais recente é o de Douglas Coutinho. Um dia após deixar o Alvinegro, o atacante foi anunciado como novo reforço do Leão

16:17 | 12/07/2018
NULL
NULL

[FOTO1] 

Douglas Coutinho trocou o Ceará pelo Fortaleza. Um dia após deixar o Alvinegro, o atacante foi anunciado como novo reforço do Leão, nesta quarta-feira, 12. O atleta não é o primeiro a virar a "casaca" no futebol cearense. Relembre nomes que passaram pelo Poraganbuçu ou Pici e depois vestiram a camisa do rival:

Clodoaldo

[FOTO2]
O "baixinho bom de bola" foi revelado e viveu o seu auge no Fortaleza, no fim dos anos 90 e começo dos anos 2000. O craque chegou a vestir a camisa do maior rival na temporada 2006-2007. Numa segunda passagem pelo Ceará, Clodô jogou no Alvinegro em 2010-2011.

Geraldo

[FOTO3]
O "G10" marcou seu nome na história do Ceará ao comandar a equipe no acesso para da Série B para a A, em 2009. Três anos depois, o meia estava desembarcando no Pici para ser a referência da equipe na tentativa de colocar o Leão de volta à Série B, mas acabou fracassando.

Luiz Carlos
Uma das mais polêmicas trocas de camisas foi o episódio envolvendo Luiz Carlos. Em 2008, o "Imperador" caiu nas graças da torcida alvinegra com seu estilo em campo e faro de gol. Ele chegou a ser artilheiro da competição e foi contratado pelo Internacional. Sem espaço no Inter, o atacante acertou com o Fortaleza, em 2009, onde ganhou o Estadual e participou da campanha da queda do Tricolor para a Série C.

Vinicius
O forte centroavante Vinicius fez história ao comandar o ataque do Fortaleza na campanha do acesso da Série B para a A, em 2002. Quatro anos depois, o atacante reforçava o Vovô.

Marcelo Nicácio

[FOTO4]
O baiano Marcelo Nicácio foi protagonista da polêmica transferência do Fortaleza para o Ceará. O atleta se destacou pelo Tricolor, em 2009, conquistando a artilharia e o título do Campeonato Cearense. Mesmo com a péssima campanha do Leão na Série B daquele ano, o atacante terminou como goleador máximo do torneio. Na sequência, ele foi jogar no Figueirense, em 2010. No mesmo ano, o matador teve o seu retorno ao Leão do Pici anunciado, mas uma semana depois acertou com o Alvinegro do Poraganbuçu para defender o clube na Série A.

TAGS