Participamos do

Victor Luís mira títulos no retorno ao Ceará e valoriza concorrência interna pela titularidade

Na segunda passagem por Porangabuçu, lateral-esquerdo quer um ano de conquistas e sabe que não terá vida fácil na disputa pela posição
14:26 | Jan. 13, 2022
Autor Brenno Rebouças
Foto do autor
Brenno Rebouças Repórter
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

De volta ao Ceará após seis anos da primeira passagem, o lateral-esquerdo Victor Luis disse estar bastante feliz em vestir a camisa alvinegra novamente, na coletiva de apresentação, concedida nesta quinta-feira, 13, na sede do clube. O defensor revelou que desde que saiu de Porangabuçu mantém conversas com o presidente do clube, Robinson de Castro, e que o retorno é um namoro antigo.

O lateral-esquerdo tem planos diferentes para a segunda passagem pelo Ceará, no entanto. Diferentemente de 2015, quando participou de uma campanha de luta por permanência na Série B com o Vovô, desta vez ele mira títulos.

Traço metas pra minha vida e essa ano desejo chegar longe com o Ceará nas competições, ser campeão de campeonatos importantes. Essa é a meta. Acho que o Ceará tem um grupo muito qualificado, aguerrido, o grupo onde a competição interna vai ser muito forte porque temos diversos jogadores por posições e jogadores qualificados. Isso é o que cria um grupo forte e vencedor", disse.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Vindo do Palmeiras, que possui um elenco vasto e por isso muito competitivo internamente, Victor Luis está acostumado com disputa por posição e sabe que no Ceará terá como concorrentes Bruno Pacheco, que se destacou pelo Vovô na temporada 2021, e o jovem Kelvyn, que ganhou mais oportunidades.

“O Ceará vai disputar cinco campeonatos (este ano), são muitos jogos, então quem tem um (jogador para determinada posição) não tem nenhum. Creio que vai ser uma competição interna muito grande, mas isso é algo positivo, certeza que cada um vai dar seu melhor para poder evoluir, estar dentro de campo, ajudar o companheiro e fazer o Ceará crescer cada vez mais. Essa competição interna é o ideal para trazer grandes conquistas para o clube. Melhor deixar (a escolha do titular) na mão do Tiago, ele vai resolver", comentou.

Acostumado a utilizar no número 26, desta vez Victor Luís escolheu a camisa 33. “Meu pai pediu pra eu escolher, porque três mais três dá seis e é a idade de Cristo também", justificou.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags