Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Segundo especialista, Ceará é o clube com a gestão mais eficiente do país

Amir Somoggi avaliou os modelos administrativos dos 20 times que disputam a Série A e deu nota máxima para apenas quatro equipes, entre eles, o Vovô
14:31 | Set. 15, 2021
Autor Mateus Moura
Foto do autor
Mateus Moura Jornal
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O especialista em finanças e marketing de futebol, Amir Somoggi, avaliou a gestão dos 20 clubes que disputam a Série A do Campeonato Brasileiro e o Ceará esteve entre os destaques. O Vovô foi apontado como o clube com a administração mais eficiente do país e recebeu a nota máxima na avaliação.

Das 20 agremiações, apenas quatro receberam nota dez: Ceará, Grêmio, Athletico-PR e RB Bragantino. O Alvinegro, portanto, foi o único clube do Nordeste a estar entre os melhores ranqueados. As análises, que basearam-se nas receitas dos clubes, modelos de gestão, dívidas, força comercial e desempenho dentro de campo, foram divulgadas no portal Yahoo.

Segundo Amir Somoggi, o Vovô é o clube que consegue otimizar da melhor forma o seu desempenho no futebol em relação aos recursos que possui. "É o clube mais eficiente do Brasil. É aquele que mais faz com menos recursos. Uma grata surpresa. É tão difícil um clube do Nordeste sobreviver e ir bem em praticamente todas as competições com um orçamento enxuto", explicou o especialista.

Confira o ranking completo:

  • Ceará: nota 10
  • Athletico-PR : nota 10
  • Grêmio: nota 10
  • RB Bragantino: nota 10
  • Cuiabá: nota 8,5
  • Juventude: nota 8
  • Atlético-GO: nota 8
  • Fortaleza: nota 8
  • Palmeiras: nota 7
  • Flamengo: nota 7
  • Atlético-MG: nota 7
  • Fluminense: nota 7
  • Bahia: nota 7
  • América-MG: nota 7
  • Internacional: nota 7
  • São Paulo: nota 6
  • Santos: nota 5
  • Corinthians: nota 3
  • Chapecoense: nota 0
  • Sport: nota 0

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Luiza Trajano entra na lista das 100 pessoas mais influentes da revista Time; veja nomes

ECONOMIA
13:36 | Set. 15, 2021
Autor Agência Estado
Foto do autor
Agência Estado Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A revista norte-americana Time divulgou nesta quarta-feira, 15, sua lista com as 100 pessoas mais influentes de 2021, que inclui a empresária brasileira Luiza Trajano.

Citada na categoria "Titãs", ela teve o texto de apresentação assinado pelo ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva. "Em um mundo de negócios ainda dominado por homens, a brasileira Luiza Trajano conseguiu transformar o Magazine Luiza, que começou como uma loja única em 1957, em um gigante do varejo com dezenas de bilhões de dólares. É uma grande conquista - uma entre muitas", escreveu.

Segundo Lula, "em um mundo onde bilionários queimam fortunas em aventuras espaciais e iates, Luiza se dedica a um tipo diferente de odisseia. Ela assumiu o desafio de construir um gigante comercial e ao mesmo tempo construir um Brasil melhor".

A lista da Time destaca como "Ícones", o príncipe Harry e a mulher, Meghan, a tenista Naomi Osaka e as cantoras Britney Spears e Dolly Parton.

Como "Pioneiros" foram incluídos na lista a cantora Billie Eilish e a ginasta Sunisa Lee.

Na mesma categoria de Luiza Trajano ainda aparecem a ginasta Simone Biles, o jogador de futebol americano Tom Brady e o CEO da Apple, Tim Cook.

Os presidentes dos Estados Unidos, Joe Biden, e da China, Xi Jinping, estão na categoria "Líderes", assim como Donald Trump e Abdul Ghani Baradar, vice-primeiro-ministro no governo Taleban no Afeganistão.

Entre os "Artistas", a revista cita a atriz Kate Winslet e os atores Omar Sy e Daniel Kalluya.

E entre os "Inovadores", o fundador da Tesla e da SpaceX, Elon Musk, e o arquiteto japonês Kengo Kuma.

Veja a lista completa:

Ícones

Príncipe Harry e Meghan

Naomi Osaka

Alexei Navalny

Britney Spears

Sherrilyn Ifill

Dolly Parton

Shohei Ohtani

Cathy Park Hong

Luis Manuel Otero Alcántara

Nasrin Sotoudeh

Manjusha P. Kulkarni, Russell Jeung e Cynthia Choi

Muna El-Kurd e Mohammed El-Kurd

Pioneiros

Billie Eilish

Ben Crump

Adi Utarini

Sunisa Lee

Felwine Sarr e Bénédicte Savoy

Fatih Birol

Aurora James

Adar Poonawalla

Phyllis Omido

Frans Timmermans

Indyra Mendoza e Claudia Spellmant

Roger Cox

Olimpia Coral Melo Cruz

Dorottya Redai

Esther Ze Naw Bamvo e Ei Thinzar Maung

Titãs

Simone Biles

Tim Cook

Shonda Rhimes

Timbaland e Swizz Beatz

Nikole Hannah-Jones

Tom Brady

Youn Yuh Jung

Allyson Felix

Angélique Kidjo

Kenneth C. Frazier e Kenneth I. Chenault

Luiza Trajano

Artistas

Kate Winslet

Bad Bunny

Chloé Zhao

Jason Sudeikis

Scarlett Johansson

Lil Nas X

Jessica B. Harris

Bowen Yang

Tracee Ellis Ross

Mark Bradford

N.K. Jemisin

Steven Yeun

Daniel Kaluuya

Omar Sy

Barbara Kruger

Kane Brown

Líderes

Ngozi Okonjo-Iweala

Joe Biden

Xi Jinping

Liz Cheney

Kamala Harris

Mario Draghi

Tucker Carlson

Naftali Bennett

Stacey Abrams

Nayib Bukele

Donald Trump

Narendra Modi

Mahbouba Seraj

Joe Manchin

Ebrahim Raisi

Rochelle Walensky

Mamata Banerjee

Ron Klain

Elisa Loncon Antileo

Abdul Ghani Baradar

Inovadores

Jensen Huang

Elon Musk

Adrienne Banfield Norris, Willow Smith e Jada Pinkett Smith

Katalin Kariko

Mary Barra

John Nkengasong

MiMi Aung

Vitalik Buterin

Viya

Barney Graham

Friederike Otto e Geert Jan van Oldenborgh

Kengo Kuma

Sara Menker

Lidia Morawska

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Reforços mais recentes do Ceará têm tido pouca minutagem em campo

Pouco espaço
20:50 | Set. 14, 2021
Autor Brenno Rebouças
Foto do autor
Brenno Rebouças Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A contar com Gabriel Santos, apresentado na segunda-feira, 13, e que já possui condições de estrear, os reforços mais recentes do Ceará para a equipe principal foram jovens atacantes. Antes deste último, Erick e Airton chegaram a Porangabuçu e mesmo com o Vovô passando por um momento de dificuldade ofensiva — dois gols nos últimos cinco jogos —, não conseguiram tanto espaço no time.

O caso de Erick é até mais emblemático. O ponta de 23 anos teve 50% de seus direitos econômicos comprados pelo Ceará junto ao Braga-POR, por 400 mil euros (cerca de R$ 2,4 milhões), vencendo a concorrência com outras equipes que se interessaram pelo atleta, que se destacou no Náutico-PE. A negociação foi demorada e o Vovô acertou com o jogador até o fim de 2023.

A expectativa para ver Erick jogar era alta, mas até agora o jogador não teve sequer um tempo completo para atuar. É fato que ele entrou nas cinco últimas partidas do Vovô, mas somando o tempo em que ele esteve em campo, o atacante tem apenas 93 minutos jogados com a camisa alvinegra.

Contra Atlético-GO, Corinthians e Flamengo, Erick jogou apenas entre os 10 ou 15 minutos finais. Já diante do América-MG e Grêmio, ele ganhou um pouco mais de tempo, entrando aos 18 e 17 minutos da segunda etapa, respectivamente.

Com a chegada de Tiago Nunes e os testes que foram feitos durante os dez dias de trabalho, criou-se a expectativa de que Erick poderia finalmente ganhar espaço entre os titulares, mas o novo comandante acabou optando por Mendoza e Lima nas pontas. Aliás, o ex-Náutico já substituiu o colombiano uma vez e o outro companheiro de clube duas vezes. Também já entrou na vaga de Rick em duas oportunidades.

Quanto a Airton, sequer tem minutagem para um tempo inteiro. Jogou os 15 minutos finais contra Sport e Corinthians e apenas três minutos diante do Atlético-GO, totalizando 33. Tanto ele como Erick estão somente na equipe profissional do Ceará até o momento.

A mudança de comando técnico é recente e ainda representa novas oportunidades, principalmente porque a estreia não foi como Tiago Nunes queria. Erick e Airton, assim como o recém-chegado Gabriel Santos tem chances de galgar espaços no time. Para isso, porém, as apostas não podem partir apenas da diretoria, que ido relativamente bem nesse quesito.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Guedes: Estados melhoraram e 'está todo mundo assanhado', pegando empréstimo

ECONOMIA
19:52 | Set. 14, 2021
Autor Agência Estado
Foto do autor
Agência Estado Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia
O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse nesta terça-feira, 14, que a melhora no resultado dos Estados, ajudada pelo congelamento de salários aprovado no ano passado, poderia ser ainda maior se os governadores estivessem ajudando em vez de "jogar pedras". Durante evento do BTG Pactual, o ministro também afirmou que, com a melhora, "está todo mundo assanhado" pegando empréstimo e citou a possibilidade de revisar a metodologia de concessão de avais para novos créditos, mas, em seguida, disse que a medida não seria tomada porque o governo é "republicano".
"Todos os Estados melhoraram o ranking, está todo mundo agora assanhado, pegando empréstimo", disse Guedes. Em resposta, o economista-chefe do BTG, Mansueto Almeida, disse que a previsão para o ano é um superávit de R$ 55 bilhões para os Estados e municípios. "Isso que eles estão jogando pedra na gente. Se estivessem ajudando era mais fácil. Jogando pedra na gente deu para fazer só isso", reagiu Guedes.
Em seguida, Mansueto mencionou que há uma expectativa de que, ao fim do ano, 20 Estados estejam com notas de crédito A ou B, ou seja, aptos a obter aval da União na concessão de créditos.
"Agora, nós podemos fazer uma correção na metodologia. Nós podemos dizer, olha, agora (é) tirando o dinheiro que foi transferência para Estados e municípios, para saúde. A gente então muda o critério de ranking. Porque pô, não dá, eu te dou o dinheiro, aí você joga uma pedra em mim e diz que vem pedir mais empréstimo... Opa, peraí, então tira o dinheiro que eu te dei e vamos ver qual funciona. Mas não vamos fazer essa maldade, nós somos republicanos", afirmou Guedes.
O ministro defendeu as medidas de congelamento de salários devido à economia obtida. "Demos R$ 150 bilhões com a mão esquerda e tiramos R$ 150 bilhões com a mão direita", afirmou.
Arrecadação
Paulo Guedes, disse que mais da metade do crescimento que vem sendo apresentado pela arrecadação é estrutural. Depois de a reforma do Imposto de Renda ser aprovada pela Câmara dos Deputados, Guedes disse acreditar que o Senado deve "mergulhar" na agenda econômica brevemente. "Quero deixar muito claro que não vamos aumentar carga tributária", acrescentou.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Arbitragem Fifa para jogos de Ceará e Fortaleza na Série A; rodada 21 terá também arbitragem cearense

Escala
16:35 | Set. 14, 2021
Autor Brenno Rebouças
Foto do autor
Brenno Rebouças Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A CBF divulgou, nesta terça-feira, 14, a escala de arbitragem para a 21ª rodada da Série A do Brasileiro, a ser realizada no fim de semana, e os jogos de Ceará e Fortaleza contarão com árbitros do quadro Fifa. Além disso, um trio cearense foi designado para trabalhar na partida entre Athletico-PR e Juventude.

O jogo entre o Furacão e o Papo acontecerá sábado, na Arena da Baixada, às 18h45min, e terá como árbitro principal Léo Simão. Os assistentes são Nailton Oliveira e Cleberson Nascimento. O árbitro de vídeo, porém, não será cearense. A missão é do mineiro Igor Junio Benevenuto.

No mesmo dia, porém mais tarde, às 21 horas, no Castelão, o Ceará recebe o Santos e quem apita a partida é o experiente Anderson Daronco. Ele terá como auxiliares Rafael da SIlva Alves, também Fifa, e Michael Stanislau, completando o trio do Rio Grande do Sul. No VAR estará o paranaense Rafael Traci.

Já para o duelo entre Internacional e Fortaleza, domingo, às 11 horas, no Beira-Rio, a CBF escalou um trio todo feminino. O comando será de Edina Alves Batista, que carrega o escudo Fifa, assim como suas assistentes Neuza Inês Back e Leila Moreira da Cruz, esta última de Goiás. O árbitro de vídeo será Rodrigo Guarizo do Amaral, que é Fifa-VAR.

Athletico-PR x Juventude - Sábado/Arena da Baixada/18h45

Árb: Léo Simão
Ass1: Nailton Oliveira
Ass2: Cleberson do Nascimento
VAR: Igor Junio Benevenuto-MG

Ceará x Santos - Sábado/Castelão/21h

Árb: Anderson Daronco-FIFA/RS
Ass1: Rafael da Silva Alves-FIFA/RS
Ass2: Michael Stanislau-RS
VAR: Rafael Traci-FIFA/PR

Internacional x Fortaleza - Domingo/Beira-Rio/11h

Árb: Edina Alves Batista-FIFA/SP
Ass1: Neuza Inês Back - FIFA/SP
Ass2: Leila Moreira da Cruz-FIFA/GO
VAR: Rodrigo Guarizo do Amaral-FIFA-VAR/SP

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Internacional bate Sport em Recife e sobe na tabela do Brasileiro

Esportes
22:38 | Set. 13, 2021
Autor Agência Brasil
Foto do autor
Agência Brasil Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O Internacional derrotou o Sport por 1 a 0 em jogo válido pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida ocorreu na noite desta segunda-feira (13) na Ilha do Retiro, em Recife.