PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
Noticia

TRT/CE mantém decisão de que Alex Amado deve ser reintegrado ao Ceará

O atleta está desde 2017 sem atuar profissionalmente devido às consecutivas lesões

17:25 | 23/07/2021
Alex Amado atuou pelo Ceará pela última vez em junho de 2017  (Foto: Tatiana Fortes / O POVO)
Alex Amado atuou pelo Ceará pela última vez em junho de 2017 (Foto: Tatiana Fortes / O POVO)

O Tribunal Regional do Trabalho do Ceará (TRT/CE) decidiu por manter a determinação da 8ª Vara do Trabalho de Fortaleza, que havia concedido liminar ao atleta Alex Amado para que fosse reintegrado ao elenco alvinegro. A decisão cabe recurso.

O jogador entrou com ação na Justiça contra o Ceará em 2020, após o fim do seu contrato, alegando ter lesionado os dois joelhos enquanto atuava pelo clube. A defesa do atacante diz tratar-se de um acidente de trabalho e, portanto, ele não poderia ser demitido por ter adquirido estabilidade provisória.

LEIA MAIS

+ Ceará anuncia a contratação de Erick até o fim de 2023

+ Na série invicta, Ceará só pontuou menos que Palmeiras, Bragantino e Atlético-MG

+ Richard exalta sistema defensivo do Ceará e projeta duelo contra o Sport pela Série A

O departamento jurídico do Vovô argumenta que a lesão diagnosticada após o fim do contrato de Alex Amado é um novo problema físico, sem relação com a contusão tratada enquanto estava vinculado ao Ceará.

Os argumentos do Alvinegro não foram suficientes para o juiz do trabalho substituto Antônio Célio Martins Timbó Costa, responsável por conceder a liminar determinando a reintegração do jogador.

"Pelos documentos carreados aos autos, tem-se certo que, em face de acidente de trabalho ocorrido no curso do contrato de trabalho, o reclamante sofreu lesão em seus joelhos, da qual ainda não havia se recuperado por ocasião da dispensa", disse o magistrado vinculado à 8ª Vara do Trabalho de Fortaleza.

O clube, então, ingressou com mandado de segurança no TRT/CE, afirmando ter havido ilegalidade e abuso de poder na decisão de primeira instância. A relatora Maria Roseli Mendes Alencar, responsável por analisar o pedido, optou por manter a liminar concedida pelo juiz, confirmando a reintegração do jogador ao elenco do Ceará.

Alex Amado está afastado dos gramados desde junho de 2017, quando disputou sua última partida pelo Alvinegro na Série B. Desde então, o atacante sofreu com diversas lesões. Neste período, seu contrato foi renovado por duas vezes. Ao todo, o atleta marcou cinco gols em 68 jogos com a camisa do Vovô.