PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
NOTÍCIA

Com posicionamento diferente e longe da área, Vina tem atuação apagada no Clássico-Rei

O camisa 29 não conseguiu render com novo posicionamento contra o Tricolor do Pici. Mais recuado, o jogador participou de forma discreta no setor ofensivo alvinegro

Lucas Mota
10:46 | 11/06/2021
Vina tem18 jogos pelo Ceará na temporada de 2021 (Foto: Felipe Santos/cearasc.com)
Vina tem18 jogos pelo Ceará na temporada de 2021 (Foto: Felipe Santos/cearasc.com)

A expectativa do torcedor do Ceará por uma atuação decisiva de Vina acabou frustrada pelo desempenho apagado na eliminação na Copa do Brasil para o Fortaleza, na noite dessa quinta-feira, 10. O camisa 29 não conseguiu render com novo posicionamento contra o Tricolor do Pici. Mais recuado, o jogador participou de forma discreta no setor ofensivo alvinegro.

Diante do Leão, Guto Ferreira armou o time para marcar a saída de bola do adversário, que usa três zagueiros. Diferente do primeiro jogo, quando Vina integrava o trio ofensivo (com Cléber e Rick) que atacava os defensores do rival, o meia foi recuado para a segunda linha de marcação junto com os volantes Fernando Sobral e Charles. O camisa 29 ficou perdido no novo posicionamento e distante da área. Sem ele se aproximando do gol do Tricolor, o Vovô perdeu criatividade e poder de conclusão.

Vina viveu a melhor fase da carreira em 2020 justamente porque Guto deu liberdade para o jogador pisar na área constantemente, se tornar um encaixe do centroavante e ficar solto para flutuar do meio para frente sem obrigações defensivas. O posicionamento em 2021 já não é o mesmo desde o início da temporada. 

No novo ano, o meia tem se sobrecarregado com a função de armação do time e ficado distante da área, onde ele pode ser mais decisivo. Nos duelos anteriores ao embate contra o Fortaleza, Vina atuava livre de funções defensivas na recomposição, mas ainda tinha dificuldades de infiltrar na zaga adversária. Na partida da volta diante do Leão, Guto recuou o camisa 29 para a linha dos volantes Fernando Sobral e Charles e perdeu toda a possibilidade de contribuição do atleta próximo ao gol.

Apesar da cobrança por rendimento melhor, Vina é o jogador do Ceará com mais participações diretas em gols ao lado de Saulo Mineiro, cada um com oito. O meia tem quatro gols e quatro assistências na temporada de 2021. 

Por outro lado, o atleta de 30 anos teve atuações discretas nos momentos decisivos do Ceará até agora na temporada. Em um mês, o Vovô perdeu dois títulos, da Copa do Nordeste e do Campeonato Cearense, e foi eliminado da Sul-Americana e da Copa do Brasil.