PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
NOTÍCIA

Ceará: atletas pedem a SAFECE e poderão atuar na semifinal do Cearense e na Sula

O POVO apurou que João Ricardo, Klaus, Naressi, Marlon, Saulo, Cléber e Sobral devem estar entre os jogadores

11:47 | 19/05/2021
Zagueiro Klaus está entre os atletas que entraram em contado com a SAFECE para atuar na Semifinal do Cearense e na Sul-Americana (Foto: Fausto Filho/CearaSC)
Zagueiro Klaus está entre os atletas que entraram em contado com a SAFECE para atuar na Semifinal do Cearense e na Sul-Americana (Foto: Fausto Filho/CearaSC)

Sete jogadores do Ceará que estarão na semifinal do Cearense, nesta-quarta, 19, contra o Ferroviário, também ficarão no banco no confronto decisivo de quinta, 20, contra o Bolívar, pela Sul-Americana. Com dois embates importantes na temporada, os profissionais entraram em contato com o Sindicato dos Atletas de Futebol do Estado do Ceará (SAFECE) pedindo autorização para serem opções no confronto da Sula. De acordo com a apuração do Esportes O POVO, João Ricardo, Klaus, Naressi, Marlon, Saulo, Cléber e Sobral devem estar nesta lista.

+Sul-Americana: Com chances de assumir a liderança do Grupo C, Arsenal enfrenta o Wilstermann

Marcos Gaúcho, presidente do SAFECE, afirmou que foi procurado pelos atletas e que, apesar de não seguir a orientação dada pelo sindicato, o assunto foi debatido e apoiou a decisão dos jogadores, contanto que haja um documento assinado pelo responsáveis e um laudo médico.

“Fui chamado pelos atletas para ouvi-los sobre a intenção de alguns deles jogar na quarta pelo cearense e na quinta ficar no banco da Sul Americana. Debatemos sobre o assunto e apoiamos a decisão dos atletas, desde que fizéssemos um documento com a anuência deles e com laudo médico”, afirmou Marcos Gaúcho.

Vale ressaltar que há uma recomendação da FIFA de no mínimo 66 horas de distância entre as partidas. De acordo com o Departamento Jurídico do Ceará, todas as ações e procedimentos legais foram obedecidos e o Vovô não corre risco de punição.

Com informações do repórter Gerson Barbosa