PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
NOTÍCIA

Para manter a liderança, Ceará torce por um empate ou vitória do Jorge Wilstermann contra o Bolívar na Sula

O Aviador apresenta problemas dentro e fora de campo e terá que superar as dificuldades para vencer o rival

12:10 | 29/04/2021
Ceará torcerá por um resultado positivo do Jorge Wiltermann contra o Bolívar para manter a liderança (Foto: FABIO LIMA/O POVO)
Ceará torcerá por um resultado positivo do Jorge Wiltermann contra o Bolívar para manter a liderança (Foto: FABIO LIMA/O POVO)

O Ceará ficará de olho no confronto boliviano desta quinta-feira, 29, entre Jorge Wilstemann e Bolívar, no Estádio Félix Capriles, pelo Grupo C da Copa Sul-Americana. O Vovô empatou em 0 a 0 com o Arsenal de Sarandí na última terça, 26, chegando aos quatro pontos e precisa torcer por um empate ou uma vitória do Aviador para se manter a liderança do grupo. A missão é difícil, o Jorge não é favorito e vem de péssima sequência de resultados que motivaram a demissão do treinador Mauricio Soria.

+Presidente da Conmebol comemora a chegada das 50 mil vacinas: "beneficiará milhares de famílias"

+Vina é eleito melhor em campo no empate entre Arsenal e Ceará; veja números

Contando com a torcida do Alvinegro, o Jorge Wilstermann chega para o confronto contra o rival boliviano em um momento conturbado da temporada. O Aviador terá Marco Sandy interinamente no comando da equipe enquanto novo treinador, o argentino Diego Cagna, não assume o time. O técnico terá a missão de recuperar a equipe após o pior início no campeonato boliviano desde que voltou a primeira divisão, em 2012.

Outro ponto importante são as baixas do Jorge neste início de temporada. O zagueiro Ronny Monteiro e o goleiro Armando Giménez estão fora da fase de grupos por lesão. Como se não fosse o bastasse dois pilares defensivos de fora, o capitão e uma das referências técnicas do time, “Pochi” Chávez, se juntou aos atletas no DM após sofrer uma lesão no joelho e não voltará nesta etapa da Copa Sul-Americana.

O capitão Pochi que mesmo sem atuar ainda está envolvido em uma polêmica de vestiário. O presidente do Aviador, Gróver Vargas, teve de vir à público para esclarecer que o argentino não dá as ordens no clube sobre reforços e técnicos. A confusão começou quando o brasileiro Alex Silva afirmou que Chávez tinha influência nestas decisões junto a diretoria.

+Guto aprova Ceará em empate contra Arsenal: "Criamos as melhores oportunidades"

O Bolívar é o quinto colocado do Campeonato Boliviano e acumula na temporada seis vitórias, um empate e três derrotas. O confronto contra o Jorge ser fora da casa é um ponto negativo para a Academia, já que todas os reveses e o único empate foi quando o time jogou fora de seus domínios. Caso conquiste a vitória no Félix Capriles, o Bolívar chegará os seis pontos e terá a chance de abrir cinco de vantagem contra o Vovô, atual líder do grupo C, no confronto da próxima rodada em La Paz.

O Jorge Wilstermann deve vir a campo com: Banegas; Paredes, Echeverría e Ortíz; Añez, Lizio, Vargas e Meléan; Serginho e Rodríguez; Osorio. No comando, o interino Marco Sandy.

Pelo Bolívar, a equipe deve começar com: Cordano; Bejarano, Guitián, Carvalho (Quinteros) e Fernández; Rodríguez, Saavedra, Granell e Justiniano; García e Sadiku. O treinador é Natxo González