PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
NOTÍCIA

Saulo Mineiro faz autocrítica de atuação no Clássico-Rei e avalia parceria com Mendoza

O atleta foi titular contra o Tricolor do Pici e atuou por 73 minutos, sendo substituído no segundo tempo por Yony González

Lucas Mota
15:08 | 23/03/2021
Saulo Mineiro disputa jogada com Carlinhos no Clássico-Rei (Foto: FABIO LIMA/O POVO)
Saulo Mineiro disputa jogada com Carlinhos no Clássico-Rei (Foto: FABIO LIMA/O POVO)

O atacante Saulo Mineiro, artilheiro do Ceará na temporada de 2021 com três gols, saiu desapontado com o desempenho diante do Fortaleza, disputado no último sábado, 20, pela Copa do Nordeste. Em entrevista coletiva nesta terça-feira, 23, o jogador de 23 anos fez autocrítica sobre a atuação e comentou sobre ter jogado ao lado de Steven Mendoza, que estreou pelo Vovô no Clássico-Rei.

O atleta foi titular contra o Tricolor do Pici e atuou por 73 minutos, sendo substituído no segundo tempo por Yony González. No momento da substituição, o atacante balançou a cabeça em sinal de negativo. Ele explicou que o gesto foi de reprovação pela própria atuação.

"Quem convive comigo no dia a dia sabe como o Saulo Mineiro é. Me cobro muito. Fico dias, semanas me cobrando por não ter feito um jogo bom. Eu não gostei da minha atuação. Creio que posso dar mais dentro de campo. Quando fui sair, fiquei triste comigo porque podia dar mais e não consegui. Único jeito que posso fazer é trabalhar na semana, não errar o que errei no próximo jogo e ajudar a equipe", afirmou.

+ Arrancadas e chance de gol: a estreia de Steven Mendoza pelo Ceará no Clássico-Rei

No Clássico-Rei, Guto Ferreira escalou como os pontos titulares Steven Mendoza e Saulo Mineiro. O artilheiro da temporada contou que os dois tiveram pouco tempo de treinamento juntos e elogiou o companheiro. O colombiano treina no Ceará há pouco mais de uma semana.

"Característica dele é muito boa, tem muita técnica e acredito que vá ajudar muito. Na minha característica é muito bom ter um jogador assim rápido e inteligente. Ajuda bastante. Foi muito bom jogar com ele. Vou trabalhar com ele no dia a dia e ter mais sequência. Quanto mais jogos, vamos ter entrosamento e ficar melhor", ressaltou Saulo.