PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
NOTÍCIA

Ceará sofre quatro gols nas duas primeiras rodadas do Brasileirão

Campeonato ainda está no início, mas Guto Ferreira já tem a missão de observar o desempenho defensivo da sua equipe para os próximos jogos

10:22 | 13/08/2020
Vovô foi vazado quatro vezes nas duas primeiras partidas  (Foto: Felipe Santos/cearasc.com)
Vovô foi vazado quatro vezes nas duas primeiras partidas (Foto: Felipe Santos/cearasc.com)

O Ceará mal começou o Brasileirão, mas já tem um problema defensivo que precisa solucionar para as próximas rodadas. Nos dois primeiros jogos, a equipe sofreu quatro gols, com uma média de dois tentos cedidos por partida. Embora a situação ainda não seja preocupante, e haja espaço para ajustes no elenco e nas escalações, Guto Ferreira já tem uma missão bem definida neste início de campeonato.

Na abertura do torneio, o Vovô foi visitar o Sport na Ilha do Retiro e tomou três gols só no primeiro tempo. O Alvinegro até diminuiu a desvantagem para 3 a 2, mas o resultado pegou de surpresa quem acompanha a equipe. Não só pelo placar de 3 a 0 para o adversário na primeira etapa, mas também pela consistência defensiva que o time apresentou no título da Copa do Nordeste.

Na partida seguinte, o Ceará abriu o placar no primeiro tempo com Cléber, mas cedeu o empate para o Grêmio, que marcou com Thaciano. O lance do gol gremista provocou bastante polêmica, já que uma falta teria sido cometida em Leandro Carvalho no início do lance. Com o corredor direito do ataque livre, o Tricolor avançou até chegar ao fundo das redes.

Comprometido nas duas primeiras rodadas, o setor defensivo do Vovô ainda sofreu baixas importantes. Os zagueiros Klaus e Tiago Pagnussat estão lesionados. Assim, sobram Luiz Otávio, Gabriel Lacerda e Eduardo Brock, que foi poupado no último jogo por motivo não especificado. Com uma baixa no número de defensores, e considerando o quão longo é um campeonato como a Série A, não seria má ideia se o clube reforçasse o setor.

O próximo adversário do Ceará no Brasileirão também não promete dar vida fácil. Embalado e primeiro colocado na tabela, o Atlético-MG tem quatro gols marcados e apenas um sofrido. O Vovô de Guto Ferreira enfrenta o Galo de Jorge Sampaoli no domingo, 16, às 11 horas, no Mineirão.