PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
NOTÍCIA

Primeira opção, interesse antigo e acerto imediato: como Guto Ferreira virou treinador do Ceará

O novo comandante recebeu o convite através de ligação no fim da noite de terça-feira, 17, e aceitou de imediato

Lucas Mota
16:32 | 20/03/2020
Guto Ferreira se apresentará em Porangabuçu no fim de março
Guto Ferreira se apresentará em Porangabuçu no fim de março (Foto: MATEUS DANTAS em 26/1/2017)

O interesse era antigo. O encontro entre Ceará e Guto Ferreira só não aconteceu antes pelas circunstâncias do mercado. O treinador já estava no radar da diretoria do alvinegro e foi a opção procurada com a saída de Enderson Moreira. O novo comandante recebeu o convite através de ligação no fim da noite de terça-feira, 17, e aceitou de imediato.

"Eu já tinha o Guto na minha cabeça. Em outras oportunidades, eu pensei em trazer o Guto. Nunca coincidiu de ele estar desempregado quando estávamos precisando. Quando o Enderson saiu, o Guto era o primeiro nome", contou Robinson de Castro em entrevista o programa Expediente Futebol, da Fox Sports.

O presidente do Ceará quis trazer Guto em 2019, quando Enderson foi demitido durante a Série A. Entretanto, a negociação não era viável naquele momento porque o técnico paulista comandava o Sport e brigava pelo acesso para a primeira divisão.

"Eu sabia da vontade do Guto de trabalhar conosco. Foi campeão baiano, pernambucano, da Copa do Nordeste e conhece a região. Ele também tem experiência na Série A. É um treinador moderno que conhece boa parte dos jogadores que tenho aqui", comentou o dirigente.

Guto Ferreira já trabalhou diretamente com dez jogadores do atual elenco do Ceará. O fator, como o próprio Robinson afirmou, foi levado em consideração. Entre as peças, está um dos ídolos do clube, o meio-campista Ricardinho. O Esportes O POVO apresentou a lista completa dos atletas que foram comandados pelo treinador, os clubes e os anos

Além de conhecer o elenco, Guto conhece bem o futebol nordestino. Ele desenvolveu trabalhos positivos em dois dos principais clubes da região: Bahia e Sport. No Esquadrão baiano, o treinador conquistou o estadual e a Copa do Nordeste. Já no Leão da Ilha, ele ganhou o campeonato local e levou o clube de volta para a elite do futebol nacional ao terminar na vice-liderança da Série B 2019.