PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
NOTÍCIA

Com quase todos os reforços, Ceará encerra primeira semana de treinos na pré-temporada

Vovô oficializou cinco contratações nos últimos sete dias. Clube ainda segue no mercado em busca de completar o elenco

18:24 | 12/01/2020
Jogadores participaram de atividades técnicas e táticas neste domingo
Jogadores participaram de atividades técnicas e táticas neste domingo (Foto: Fausto Filho/Ceará SC)

O Ceará encerrou sua primeira semana de treinos da pré-temporada na manhã deste domingo, 12. O grupo comandado pelo técnico Argel Fucks realizou uma atividade técnica-tática, visando troca de passes, movimentação e aprimoramento da finalização. O Vovô volta ao estádio Carlos de Alencar Pinto na segunda, 13, quando o atacante Rogério será apresentado à imprensa.

Os últimos sete dias foram bastante movimentados em Porangabuçu. Ao todo, cinco reforços foram anunciados desde o domingo, 5. O primeiro foi o atacante Rafael Sóbis, seguido do zagueiro Klaus e Rogério. Na quarta, 8, o nome da vez foi o goleiro Fernando Prass, com o meia Vinícius sendo oficializado no dia seguinte. Só Rafael Sóbis ainda não está integrado ao grupo.

A outra metade das contratações também já está trabalhando com o restante do elenco. Os laterais Eduardo e Bruno Pacheco, o zagueiro Tiago Pagnussat, o volante Charles e o atacante Rodrigão completam a lista de caras novas em Porangabuçu.

Mesmo já tendo feito dez contratações, o Ceará segue no mercado em busca de um volante e um atacante de lado para fechar suas atividades neste mercado da bola. O meio-campista da vez é Luizão, que pertence ao Porto-POR e hoje atua no Vorskla-UCR. Já o ponta visado pela diretoria alvinegra é Rossi, ex-Vasco, que possui onze propostas, entre times do futebol nacional e do exterior.

O Vovô estreia na temporada 2020 no dia 26 de janeiro, quando enfrenta o Freipaulistano-SE na primeira rodada da primeira fase da Copa do Nordeste. O jogo será no Castelão, com portões fechados por conta da confusão no último Clássico-Rei do Brasileirão de 2019. O Alvinegro também foi punido com uma multa de R$ 60 mil.