PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
NOTÍCIA

Ceará perde para a Chapecoense fora de casa, mas segue fora do Z-4 do Brasileirão

Alvinegro tomou gol na reta final da partida e amargou sua segunda derrota seguida no Campeonato Brasileiro

Bruno Balacó
19:55 | 17/11/2019
Titular do meio-campo, Felipe Baxola tenta jogada de ataque na partida em Chapecó.
Titular do meio-campo, Felipe Baxola tenta jogada de ataque na partida em Chapecó. (Foto: Israel Simonton/cearas.com)

O Ceará amargou mais um resultado negativo na Série A. Em duelo-chave na luta contra o rebaixamento, o Alvinegro acabou derrotado por 1 a 0 para a Chapecoense, em partida disputada neste domingo, 17, na Arena Condá, em Chapecó-SC. Foi a segunda derrota seguida do time comandado por Adílson Batista, que vinha de um revés no Clássico-Rei para o Fortaleza.

Com o resultado, o Vovô caiu uma posição e ocupa por enquanto a 15ª colocação no Campeonato, com 36 pontos e mais cinco jogos a disputar. Dos males o menor. Apesar do revés, o time não corre o risco de terminar a 33ª rodada no Z-4. Isso porque o Ceará só pode perder mais uma posição, passando para o 16° lugar, caso o Cruzeiro vença o Avaí nesta segunda-feira, as 20h, no Mineirão, em Belo Horizonte. Empate ou vitória do Avaí na partida mantém o Vovô em 15º lugar, com dois pontos de vantagem para a Zona da Degola.

No 1° tempo, os dois times fizeram um jogo equilibrado, com leve vantagem para o time da casa, que teve as melhores oportunidades e deu mais trabalho ao goleiro alvinegro. Na volta para o 2° tempo, o Vovô retornou pressionando e assumiu o controle da partida nos primeiros 10 minutos. O time de Adílson chegou a balançar as redes, aos 8 minutos, em jogada de bola cruzada na área, com sobra de bola para Chico, que chutou forte para balançar as redes. De imediato, a arbitragem assinalou impedimento de Bergson, que estava em posição irregular no momento em que a bola foi cruzada. 

Reclamações à parte, o Vovô seguiu atacando em busca da vitória, mas esbarrou na falta de criatividade para criar situações concretas de gol. A Chape também tinha dificuldade de criar, mas foi efetiva na oportunidade principal que teve na partida.  

O gol que decretou a derrota alvinegra em Santa Catarina foi marcado na reta final da partida, aos 37 minutos do 2° tempo. Everaldo recebeu na área pelo lado esquerdo, cortou para o meio sobre a marcação e bateu forte, no canto, longe do alcance do goleiro Diogo Silva, estufando as redes.

O Ceará volta a campo no próximo domingo, 24, para enfrentar o São Paulo, em jogo marcado para as 19h, na Arena Castelão.

FICHA TÉCNICA

Chapecoense 1x0 Ceará

Local: Arena Condá, em Chapecó (SC)

Data: 17 de novembro de 2019, domingo

Horário: 18h (de Brasília)

Árbitro: Rodolpho Toski Marques (FIFA-PR)

Assistentes: Bruno Boschilia (FIFA-PR) e Luciano Roggenbaum (PR)

VAR: Adriano Milczvski (PR)

Cartões amarelos: Bruno Pacheco (CHA)

GOL: Everaldo, aos 37 minutos do 2ºT.

CHAPECOENSE: João Ricardo; Renato (Eduardo), Douglas, Amaral e Bruno Pacheco; Márcio Araújo, Camilo (Gustavo Campanharo) e Vini Locatelli (Arthur Gomes); Roberto, Henrique Almeida e Everaldo. Técnico: Marquinhos Santos

CEARÁ: Diogo Silva; Samuel Xavier, Luiz Otávio (Eduardo Brock), Tiago Alves e João Lucas; Fabinho, Ricardinho, Chico (Felippe Cardoso), Felipe Silva e Thiago Galhardo (Lima); Bergson. Técnico: Adílson Batista

O Ceará volta a campo no próximo domingo, 24, para enfrentar o São Paulo, em jogo marcado para as 19h, na Arena Castelão.