PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
NOTÍCIA

Apesar da derrota, Adílson exalta seu trabalho: "Com 30 dias, sem ter tempo para trabalhar, eu vi um time equilibrado"

O treinador elogiou a postura do Ceará contra o Palmeiras, que chegou muito perto do empate

22:14 | 02/11/2019
Adílson Batista comanda o Ceará há oito jogos.
Adílson Batista comanda o Ceará há oito jogos. (Foto: AURéLIO ALVES)

A derrota contra o Palmeiras foi a quarta do Ceará sob o comando de Adílson Batista. Porém, ao contrário do que o resultado mostra, o desempenho do Vovô diante do Alviverde foi acima do esperado, muito por conta dos vários desfalques que a equipe teve. O técnico do Alvinegro, em entrevista coletiva concedida após a partida, fez elogios ao trabalho empreendido por ele no clube e diz não escutar as críticas das redes sociais.

“Eu nem escuto nada de rede social, nem tenho. Tenho é convicção no que faço. Com 30 dias, sem ter tempo para trabalhar, eu vim um time equilibrado. Eu não me iludo com internauta, os famosos entendidos”, comentou.

Ele também falou sobre a estratégia imposta por sua equipe em campo, que atuou na maior parte do jogo com o meio de campo preenchido por homens de marcação. “Cumprimos grande parte da estratégia. O Palmeiras tem grandes jogadores. Não queríamos que a bola chegasse no Dudu, que passasse por dentro do Zé Rafael. Marcamos bem as laterais. Tiveram duas ou três situações pelo lado do Mayke, mas nós jogamos com lateral improvisado”, lembrou.

Adílson relembrou a sequência desgastante de jogos, que deixa o elenco com pouco tempo para treinamentos e recuperação física. Esses dias, vindo de Santos, onde fizemos um jogo difícil, saímos às 7h e chegamos às 17h em Fortaleza, nem almoçamos. E as pessoas não veem. Tem um desgaste, precisa recuperar”, reclamou.

O técnico do Ceará fez oito jogos no comando da equipe, acumulando três vitórias, um empate e quatro derrotas. O aproveitamento dele é de 41,6% até o momento.

Você também pode gostar: