PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
NOTÍCIA

Robinson de Castro torce por recuperação de Alex Amado e promete pagar salário até em outro clube para que o jogador se reabilite

A carreira do atacante foi atrapalhada por série de lesões. O jogador jogou pela última vez em junho de 2017

15:27 | 06/08/2019
Alex Amado atuou pelo Ceará pela última vez em junho de 2017
Alex Amado atuou pelo Ceará pela última vez em junho de 2017 (Foto: Tatiana Fortes / O POVO)

Alex Amado, atacante do Ceará, não joga há mais de dois anos. O jogador de 32 anos sofreu uma série de lesões e agora se recupera de mais um processo cirúrgico na tíbia esquerda. Mesmo lesionado, o atleta renovou contrato pelo Alvinegro por duas vezes neste período e não tem previsão de retorno.

+ Valdo diz que Ceará mira chegar e se manter no G-10 do Brasileirão

Em entrevista ao programa Futebol do Povo (assista à íntegra no vídeo abaixo), o presidente Robinson de Castrou comentou sobre a situação do atacante. Na torcida pela recuperação de Alex Amado, o dirigente explicou que o clube tem dado toda a assistência ao jogador e revelou que pagaria o salário dele em outra equipe, visando a reabilitação do atleta.

"São duas responsabilidades que tenho. Uma com o garoto. Vou tentar criar condições pra que ele continue a carreira dele e darei apoio pra isso. A segunda é a responsabilidade com o próprio clube. Ele nunca vai poder dizer que o clube deixou de dar algum nível de assistência ou criou algum dano pra ele", afirmou Robinson.

+ Ceará tem cinco jogadores tratando lesões no clube; confira o boletim médico!

O mandatário alvinegro contou que teve uma conversa com o jogador e se disponibilizou a pagar o salário, caso ele optasse por procurar outro time após se recuperar da lesão.

"Eu já renovei duas vezes com ele. Acho que agora com esse último procedimento ele vai ficar apto a jogar. Se por acaso ficar apto, e eu já disse pra ele: 'se você quiser jogar em algum clube, você pode ir que eu continuo pagando o seu salário. Não precisa você se preocupar se vai receber lá até o final do ano. É pra você se reabilitar e se inserir no mercado'", disse Robinson.

Alex Amado sofreu lesões no joelho, adutor e tíbia da perna esquerda. No processo de recuperação, o jogador passou por complicações após procedimentos cirúrgicos. Em uma nova tentativa de retorno aos gramados, em março deste ano, quando chegou a treinar com o restante do grupo, ele voltou a sentir e precisou de mais uma cirurgia.

O atacante operou a tíbia esquerda no último dia 2 de agosto. Segundo o clube, ele já iniciou o processo pós-cirúrgico com fisioterapia.

A última partida do jogador foi em junho de 2017. Alex Amado foi contratado em janeiro daquele ano e só atuou por seis meses devido às lesões. Pelo Vovô, o atacante jogou 18 partidas e marcou dois gols.

Entrevista completa do presidente Robinson de Castro no Futebol do Povo:

OUÇA O NOVO EPISÓDIO DO FUTCAST:

Listen to "#66 - Pós-Clássico: destaques, acertos e erros de Ceará e Fortaleza" on Spreaker.

Lucas Mota