PUBLICIDADE
Esportes
NORDESTÃO

Ceará vence Sergipe fora de casa e segue invicto na Copa do Nordeste

Alvinegro ainda depende dos jogos de CSA-AL e Botafogo-PB para se garantir como líder da competição ao final da quinta rodada

17:59 | 02/03/2019
Chico marcou o único gol do jogo na Arena Batistão (Foto: Mateus Dantas/O POVO)
Chico marcou o único gol do jogo na Arena Batistão (Foto: Mateus Dantas/O POVO)

A quinta rodada da Copa do Nordeste já acabou para o Ceará. O Alvinegro entrou em campo neste sábado, 2, contra o Sergipe na Arena Batistão e venceu por 1 a 0 com gol de Chico ainda no primeiro tempo. Na partida, o Vovô não teve problemas para garantir a vitória, que poderia ser mais elástica.

Com o resultado, os comandados de Lisca chegam aos 11 pontos e mantêm a liderança no Grupo B, com sete de saldo. CSA-AL e Botafogo-PB entram em campo só na quinta-feira, 7, e podem ultrapassar o Ceará caso vençam e consigam desempatar no saldo. Já o Sergipe vai continuar em último lugar no Grupo A, sendo por enquanto a única equipe que ainda não pontuou no Nordestão (agora são cinco derrotas em cinco jogos).

O Ceará volta a campo agora só na próxima quarta-feira, 6, quando recebe o Atlético-CE pelo Campeonato Cearense. Na Copa do Nordeste, faz Clássico-Rei com o Fortaleza no próximo dia 17. O Sergipe, por sua vez, enfrenta o Olímpico pelo Campeonato Sergipano no próximo domingo, 10, e encara o Bahia pelo Nordestão no dia 13.

O JOGO

O Ceará iniciou a partida conseguindo ter e rodar a bola em busca de entender a defesa do adversário. Com três minutos, Samuel Xavier sofreu falta na entrada da área. Ricardinho cobrou em jogada ensaiada, mas a redonda ficou com o goleiro Erivelton.

A equipe de Lisca conseguiu ter a bola por mais tempo, agora já tentando furar o bloqueio defensivo do Sergipe. Contudo, nenhuma chance de real perigo foi criada por parte do Ceará. Já o Gipão, conseguiu criar a partir de cruzamentos e escanteio, mas também sem sucesso.

Com 30 minutos de jogo, Baxola achou Ricardinho dentro da área em bom passe por entre as pernas do defensor. O meia bateu cruzado, o goleiro conseguiu fazer a defesa e Chico, esperto, empurrou para o fundo das redes do gol aberto, abrindo o placar para o Alvinegro.

Aos 40, Felipe Hereda tentou chutar de fora da área para empatar, mas mandou muito por cima do gol. Felipe Baxola quase ampliou para o Vovô, aos 43, quando girou em cima da marcação e bateu colocado, mas Erivelton fez nova boa defesa.

Logo no primeiro minuto do segundo tempo, Roger quase marcou um golaço: recebeu bola de fora da área e arrematou com força, mas a redonda saiu em linha de fundo passando perto da meta. No minuto seguinte, a resposta do Sergipe. Élton recebeu bola e também chutou de longe, de três dedos, mas o esférico foi para fora.

Com sete minutos, Chico aproveitou cruzamento na área e cabeceou para fora, causando perigo para o gol do Gipão. No oitavo minuto, Baxola teve bola no meio de campo em erro do goleiro e tentou encobrir Erivelton, mas errou a meta. Leandro Love apareceu pela esquerda, cruzou para Batata, que acabou finalizando errado. Era a chance do empate para o Sergipe.

Com 17 minutos, Baxola achou Roger pela esquerda, mas o centroavante errou o chute. Quando o relógio marcava 28 do segundo tempo, Fernando Sobral recebeu boa bola de Samuel Xavier na área e chutou, mas a zaga conseguiu tirar em cima da linha. Após, os donos da casa pressionaram, porém não conseguiram chegar no empate. O Ceará conseguiu apenas segurar o resultado e garantir a vitória.

FICHA TÉCNICA DE SERGIPE 0 X 1 CEARÁ

Data: Sábado, 02/03/2019

Local: Arena Batistão, em Aracaju (SE)

Horário: 16 horas

Árbitro: Gilberto Rodrigues (PE)

Assistentes: Bruno César (PE) e Francisco Chaves (PE)

Cartões amarelos: Diego Paulista, Élton, Maranhão.

Renda / Público: R$8.885,00 / 451

Gols: 1-0, min. 30, Chico.

Sergipe (3-5-2): Erivelton; Carlos Alexandre, Claudio Baiano, Diego Paulista; Victor Trator (Élton), Felipe Hereda, Brendon, Marinho Donizete, Ariel (Maranhão); Giancarlo (Batata) e Leandro Love. Técnico: George Litiere. 

Ceará (4-2-3-1): Fernando Henrique; Samuel Xavier, Valdo, Luiz Otávio, João Lucas; Fabinho, Juninho; Ricardinho (Fernando Sobral), Baxola, Chico (Pedro Ken); Roger (Ricardo Bueno). Técnico: Lisca.

FutCast - Entrevista exclusiva com o meia Chico, artilheiro do Ceará

Listen to "#39 – Resenha com Chico: Ceará, Clássico-Rei, seleção da Coréia do Sul e preconceito" on Spreaker.

Gerson Barbosa