PUBLICIDADE
Esportes

Presidente do Santos assegura permanência de Vanderlei e ida de Everson ao time paulista vira dúvida

Primeira investida do Peixe havia sido recusada pelo Ceará

10:14 | 09/01/2019
NULL
NULL
[FOTO1]
Em entrevista, o presidente do Santos, José Carlos Peres, garantiu que o goleiro Vanderlei vai permanecer no clube em 2019. O arqueiro esteve na mira de São Paulo e Flamengo, mas não recebeu nenhuma proposta oficial por parte das equipes. Com isso, a possível contratação de Everson, goleiro do Ceará, esfria por ora.
 
Segundo Peres, a negociação com o Everson não foi conduzida por ele. O técnico Jorge Sampaoli pediu ao departamento de futebol a contratação do camisa um do Ceará, visando as caracteristicas modernas de um goleiro que saiba jogar com os pés. 
 
“Posso garantir que Vanderlei não está saindo. Obviamente que nós temos um novo treinador, ele tem conceito de que goleiro especial tem que sair jogando por trás, repor a bola.  Mas Vanderlei é nosso goleiro oficial, melhor goleiro do Brasil e com certeza essas coisas todas vão sumir nas primeiras partidas”, disse o presidente sobre Vanderlei.
 
O Santos chegou a enviar uma proposta oficial para contar com o goleiro do Ceará, mas teve uma recusa imediata. Isso porque a intenção era pagar a multa rescisória do atleta de forma parcelada, situação descartada por Robinson de Castro, presidente do Vovô, que só libera o jogador mediante ao pagamento integral do valor de R$ 6 milhões.
 
Depois de ficar fora do treino de reapresentação do time, na  última segunda-feira, alegando dores estomacais, o goleiro Everson reapareceu na sede do clube na tarde de ontem. Enquanto os outros goleiros do clube (Fernando Henrique, Diogo Silva e Gleidson, oriundo das categorias de base) participavam de um treino específico no gramado de Porangabuçu, Everson estava, segundo o Esportes O POVO apurou, em uma sala reunido com a diretoria, discutindo seu futuro no clube.
 
Após a reunião, Everson partiu para a academia do clube, onde realizou treino físico. Contudo, o jogador não participou da atividade comandada pelo técnico Lisca no gramado do estádio Carlos de Alencar Pinto.
 
VEJA MAIS: FutCast #31 - O que esperar de Ceará e Fortaleza para 2019:
[VIDEO1] 
TAGS