PUBLICIDADE
Esportes

Sede do Ceará em Porangabuçu amanhece com pichações

10:05 | 03/05/2018
NULL
NULL
[FOTO1] Com a mau início de Série A que o Ceará está apresentando até o momento, a sede do Vovô amanheceu nesta quinta-feira, 3, pichada. As mensagens deixadas nos muros do estádio Carlos de Alencar Pinto pediam, entre outras coisas, contratações para o elenco que disputa a competição nacional.
 
As frases "Torcida de primeira. Diretoria de segunda. Elenco de segunda", "Diretoria fraca e incompetente", "Contratações Já" e "Respeitem nossa história" foram pichadas na sede do time em Porangabuçu.

O POVO entrou em contato com a assessoria de comunicação do Ceará e foi informado que as pichações já haviam sido retiradas.
 
Em nota a principal torcida organizada do Ceará, a Cearamor, disse que não compactua com os protestos e afirma que já reinvidicaram melhorias perante a diretoria de futebol nesta semana. 
 
Confira a nota
 
"A Torcida Organizada Cearamor afirmou que não compactua com protestos que desrespeitam a instituição e depredam o patrimônio do Clube. As reivindicações são legítimas, mas devem ser feitas da maneira correta. Nessa semana, tivemos uma reunião com diretoria de futebol para cobrar mudanças em campo. A nossa parte já foi feita. Vamos esperar os resultados. A cobrança deve existir sempre, mas da maneira correta.

Diretoria Cearamor"
 
 
Contratações

Nesta quarta-feira, 2, a diretoria do Ceará anunciou a contratação de dois jogadores que atuam no último terço de campo. Éder Luiz e Hyuri são mais duas opções para o setor ofensivo de velocidade de Chamusca. Há ainda a perspectiva de acerto com o lateral-direito Samuel Xavier e o atacante Thiago Ribeiro.
 
Como já acertou as vindas de Hyuri (Atlético-MG) e Juninho (Sport-PE), o Alvinegro só poderá contratar mais três jogadores provenientes de times da Série A, conforme regulamento do campeonato.

Campanha

Em três partidas disputadas no torneio, a equipe comandada por Marcelo Chamusca conquistou apenas um ponto (contra o São Paulo, partida terminada em 0 a 0, na Arena Castelão) e foi derrotado duas vezes (Santos-SP por 2 a 0 e Flamengo-RJ por 3 a 0). Ao lado do Cruzeiro-MG, que disputa a Taça Libertadores, o Alvinegro é o único time do campeonato que não marcou gols.
 
[VIDEO1] 
TAGS