PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
Estadual

Ceará vira partida contra o Horizonte e emenda quinta vitória consecutiva

20:02 | 10/02/2018
Douglas Coutinho e Felipe Azevedo marcaram os gols da virada do Ceará. Foto: Pedro Chaves/FCF
De virada, o Ceará bateu o Horizonte no Castelão, na noite deste sábado, 10. Douglas Coutinho e Felipe Azevedo marcaram os gols do Vovô no segundo tempo, que fizeram o alvinegro chegar à quinta vitória consecutiva.

Na maior parte do tempo o jogo foi ataque contra defesa, mas a artiLharia alvinegra sofreu com noite inspirada do goleiro Gustavo, do Horizonte, que já atuou na base do próprio Ceará.

Com o resultado, o Ceará assumiu a vice-liderança do Campeonato Cearense, com 13 pontos, atrás apenas do maior rival, o Fortaleza, que soma 15 pontos. Já o Horizonte saiu do G6 e com 7 pontos ocupa a 7ª colocação. 

O Jogo

Até o lateral esquerdo Danilo abrir o placar para o Horizonte, aos 31 minutos de jogo, o Ceará estava melhor em campo. Chegava pelo meio com toque de bola, sempre passando por Wescley e das laterais vinham bons cruzamentos para Arthur ou Douglas Coutinho, que finalizaram juntos pelo menos seis jogadas com condições de marcar.

O Galo se resumia arriscar chutes de longe e contava com uma noite inspirada do goleiro Gustavo, que correspondeu quando exigido. O meia Erivelton era quem mais conduzia a bola pelo Galo. Foi ele que criou as duas melhores chances do time horizontino na etapa inicial. A primeira quando roubou a bola de Pio, na intermediária e arriscou o chute, obrigando Everson a espalmar. E a segunda foi justamente o chute cruzado que virou passe para Danilo empurrar para o gol.

Ficar atrás no placar nitidamente mexeu com os nervos dos jogadores do Ceará, que passaram a atacar de qualquer maneira, desperdiçando muitas chances. Roberto foi o mais visado pelo torcedor, que vaiava cada vez que ele tocava na bola. O placar do intervalo fez valer a eficiência do Horizonte, mas era injusto quanto à produção das duas equipes.

O cenário do segundo tempo se desenhava para uma pressão ainda mais forte do Ceará, que corria atrás do prejuízo, e um Horizonte valorizando o resultado. De fato, os 45 minutos finais não fugiram muito disso, apesar do Galo não ficar apenas na retranca. 

Mesmo todo pressão, o Ceará só conseguiu empatar a partida aos 19 minutos. Após cobrança de escanteio, Gustavo espalmou para o meio da área e a bola sobrou de frente para o gol. Douglas COutinho encheu o pé e marcou o primeiro.

Chamusca trocou Roberto por Felipe Azevedo e a resposta do atacante veio rápida. Escanteio cobrado por Juninho aos 25 minutos e o camisa 11 do Ceará pegou de primeira com a perna direita, no ar, marcando um golaço. À frente no placar, o técnico alvinegro apostou na juventude e pernas descansadas de Parrudo e Leandro Canhoto. A criação diminuiu, mas a defesa não foi comprometida.

O Horizonte até tentou ensaiar nova pressão, já que não tinha mais nada a perder, mas parava em Everson ou na zaga alvinegra.

Recomendadas para você

Comentários