Botafogo visita Atlético-PR para se afastar da zona de rebaixamentoBotafogo de Futebol e Regatas | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Botafogo visita Atlético-PR para se afastar da zona de rebaixamento

O Botafogo visita o Atlético-PR neste sábado, às 21h (de Brasília), na Arena da Baixada, em Curitiba, em choque válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Glorioso, que vem de uma derrota de 1 a 0 para o Bahia em casa, não ganha há quatro confrontos pela competição e, com 35 pontos, flerta perigosamente [?]

20:15 | 26/10/2018

O Botafogo visita o Atlético-PR neste sábado, às 21h (de Brasília), na Arena da Baixada, em Curitiba, em choque válido pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Glorioso, que vem de uma derrota de 1 a 0 para o Bahia em casa, não ganha há quatro confrontos pela competição e, com 35 pontos, flerta perigosamente com a zona de rebaixamento.

O Furacão navega em mares mais tranquilos, vindo de empate sem gols com o São Paulo fora de casa e tendo quarenta pontos. O time está a seis pontos da zona de classificação para a Copa Libertadores e no meio de semana derrotou o Bahia por 1 a 0 no Nordeste, pelo confronto de ida das quartas de final da Copa Sul-Americana.

Zé Ricardo, treinador do Botafogo, colocou na cabeça dos jogadores a necessidade de tratar esta partida como uma decisão, já que o time precisa recuperar os pontos perdidos para o Bahia em casa na rodada passada.

?Vamos ter que buscar os três pontos lá na Arena. Jogar lá é difícil, time deles invicto lá há tempo, mas não tem jeito, vamos ter que nos preparar bem e fazer partida no nosso limite?, disse Zé Ricardo.

Apesar de planejar a vitória, os botafoguenses sabem que precisarão suportar a pressão do rival.

?Todos reconhecem que o jogo que vem é muito complicado pois os times que enfrentam o Atlético Paranaense no estádio dele dificilmente conseguem somar pontos. A nossa equipe, porém, está precisando reagir, pois perdemos a última partida em casa e um novo resultado ruim vai nos complicar nesta reta final de Campeonato Brasileiro. O segredo para conseguirmos os nossos objetivos neste jogo é não aceitar a pressão e nem deixar que o adversário consiga nos acuar no campo defensivo, pois uma hora podemos levar o gol. Temos que valorizar a posse de bola e encontrar o melhor momento de vencer?, disse o zagueiro Igor Rabello.

Para este confronto o time terá mudanças. Joel Carli e o volante Matheus Fernandes voltam a ficar à disposição após cumprirem suspensão contra o Bahia por acúmulo de cartões amarelos. O meia chileno Leonardo Valencia, recuperando de dores na coxa esquerda, também volta ao time. O atacante Rodrigo Pimpão, com uma quadro febril por conta de virose, fica de fora e cede o posto a Erik.

Por conta do confronto de volta com o Bahia pela Copa Sul-Americana, já neste meio de semana, o Furacão poderá preservar alguns titulares, mas a escalação só será definida minutos antes do confronto. Uma mudança é certo e ela acontece no gol, onde Santos está suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Felipe Alves ganha mais uma chance como titular. Veteranos como o lateral-direito Jonathan e o zagueiro Paulo André dificilmente estarão em ação.

Apesar desta situação, o técnico do Atlético, Tiago Nunes, garante que sua equipe vai entrar em campo para ganhar, sem priorizar a Sul-Americana.

?Vamos com o pensamento de ganhar do Botafogo e seguir pontuando no Campeonato Brasileiro, pois não podemos facilitar. A gente não está priorizando uma competição. Na verdade, estamos priorizando todas, que é a Sul-Americana e o Campeonato Brasileiro?, disse Tiago.

No primeiro turno do Campeonato Brasileiro as duas equipes se enfrentaram no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, e naquela ocasião o Botafogo ganhou por 2 a 0. Os gols do jogo foram anotados por Rodrigo Lindoso e Renan Lodi, contra.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-PR X BOTAFOGO-RJ

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)

Data: 27 de outubro de 2018 (Sábado)

Horário: 21h (de Brasília)

Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (SP)

Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Bruno Salgado Rizo (SP)

ATLÉTICO: Felipe Alves, Diego Ferreira, Thiago Heleno, Léo Pereira e Renan Lodi; Lucho, Wellington e Raphael Veiga; Nikão, Marcelo Cirino e Pablo

Técnico: Tiago Nunes

BOTAFOGO: Saulo, Marcinho, Jair Carli, Igor Rabello e Gilson; Jean, Rodrigo Lindoso, Leonardo Valencia e Luiz Fernando; Erik e Kieza

Técnico: Zé Ricardo

Gazeta Esportiva