Botafoguense Rodrigo Lindoso mira arrancada contra a degolaBotafogo de Futebol e Regatas | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Botafoguense Rodrigo Lindoso mira arrancada contra a degola

O Botafogo não vive bom momento no Campeonato Brasileiro e se preocupa com a zona de rebaixamento. Um grupo de torcedores foi até o estádio Nilton Santos para tentar se reunir com o elenco, mas foi impedido pelos seguranças do clube. O volante Rodrigo Lindoso admitiu que os alvinegros têm razão em estrear irritados, mas [?]

18:30 | 13/09/2018

O Botafogo não vive bom momento no Campeonato Brasileiro e se preocupa com a zona de rebaixamento. Um grupo de torcedores foi até o estádio Nilton Santos para tentar se reunir com o elenco, mas foi impedido pelos seguranças do clube. O volante Rodrigo Lindoso admitiu que os alvinegros têm razão em estrear irritados, mas pediu o apoio da torcida.

?Claro que o torcedor tem razão de estar chateado conosco. Fizemos um ano muito bom no ano passado. Tivemos a eliminação na Copa do Brasil, demos a volta por cima com o título carioca. Tivemos bom início até a parada pra Copa. Peço que eles façam a parte deles porque temos de fazer a nossa?, disse.

Rodrigo Lindoso afirmou que os jogadores têm consciência de que o momento é de superação para dar a volta por cima na Série A. No entanto, o volante lembrou que o Botafogo já deu uma arrancada para a conquista de uma vaga na Libertadores ha dois anos.

?Já aconteceu isso no ano retrasado. Graças a Deus, conseguimos vaga na Libertadores ainda. Faltam muitos jogos, mas temos que ligar o alerta. Deixamos a desejar em muitos jogos, por isso chegamos nessa situação. Temos bastante jogos ainda. Por ser um campeonato equilibrado, você vencer alguns jogos já muda tudo. Só saímos dessa situação com trabalho?, declarou.

O Botafogo terá a chance de se afastar da zona de rebaixamento neste domingo, quando terá pela frente o América-MG, no Nilton Santos. Lindoso espera a presença da torcida, mas alertou sobre a dificuldade do confronto.

?Primeiro passo é o América, domingo, às 11h. Respeitamos o América, mas precisamos da vitória. Domingo é um bom horário para o torcedor. A gente espera um bom público para que eles façam a parte deles na arquibancada e a nossa no campo. Eles sabem da nossa situação. Podem tentar tirar proveito disso. Temos que ter muita tranquilidade. Não podemos deixar essa situação afetar o que fazemos em campo?, finalizou.

Gazeta Esportiva

TAGS