PUBLICIDADE
Esportes

Botafogo busca reação no Carioca diante do Bangu

Tentando se recuperar da derrota de 1 a 0 para o Flamengo, a primeira sob o comando do técnico Alberto Valentim, o Botafogo volta a campo nesta terça-feira, às 21h30(de Brasília), para enfrentar o Bangu no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ), pela quarta rodada da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca. [?]

20:15 | 05/03/2018

Tentando se recuperar da derrota de 1 a 0 para o Flamengo, a primeira sob o comando do técnico Alberto Valentim, o Botafogo volta a campo nesta terça-feira, às 21h30(de Brasília), para enfrentar o Bangu no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ), pela quarta rodada da Taça Rio, segundo turno do Campeonato Carioca. Com seis pontos conquistados no Grupo C, o Glorioso vai se aproximar da vaga nas semifinais em caso de triunfo. Já os banguenses, que ficaram no empate por 1 a 1 com a Portuguesa no fim de semana passado, tem dois pontos no Grupo B, e não conseguiram repetir a boa campanha do primeiro turno, quando foram semifinalistas da Taça Guanabara.

Alberto Valentim, comandante do Botafogo, pediu a seus comandados para que mantenham a tranquilidade em campo, minimizando assim a pressão por conta do revés sofrido no clássico diante do Flamengo.

?Nós perdemos o jogo por conta de um gol irregular e tenho certeza de que isso não vai nos abalar para a sequência da competição, em especial para este compromisso com o Bangu. O Botafogo precisa manter a tranquilidade que foi vista em campo no sábado, quando criamos diversas oportunidades. O jogo desta terça-feira é muito importante e precisamos ser mais eficientes?, disse.

Os jogadores alvinegros alertaram porém para a qualidade do adversário.

?O Bangu não foi semifinalista do primeiro turno à toa e sabe como é importante ganhar do Botafogo para seguir com chances de ir às semifinais. Vai ser um duelo complicado, como tem sido o padrão nesta Taça Rio. O adversário vai querer jogar no nosso erro e não podemos permitir? afirmou o volante João Paulo.

Satisfeito com o rendimento do time, Valentim não deve promover mudanças.

Pelo lado do Bangu, o técnico Alfredo Sampaio cobrou concentração. Isso porque, o time vem sofrendo com gols no fim dos jogos.

?O Bangu poderia estar melhor colocado, mas não podemos mudar o que aconteceu no passado. O importante é entrarmos muito atentos diante do Botafogo, pois se voltarmos a falhar diante de um adversário qualificado como este vamos colocar o trabalho a perder? falou Sampaio, que pretende repetir a escalação do choque contra a Portuguesa. 16

Pelo regulamento da Taça Rio, os times de um grupo jogam contra as equipes do outro grupo em turno único. Ao fim, os dois melhores colocados de cada chave se garantem nas semifinais do segundo turno.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO X BANGU

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 6 de março de 2018 (Terça-feira)

Horário: 21h30(de Brasília)

Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)

Assistentes: Andréa Izaura Marcelino de Sá (RJ) e Lilian Fernandes Bruno (RJ)

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Marcinho, Marcelo, Igor Rabello e Moisés; Rodrigo Lindoso, João Paulo e Leonardo Valencia; Rodrigo Pimpão, Kieza e Ezequiel

Técnico: Alberto Valentim

BANGU: Célio Gabriel, Valdir, Michel, Oliveira e Léo Jesus; Magno, Marcos Júnior, Everton Sena, Eberson e Marquinhos; Anderson Lessa

Técnico: Alfredo Sampaio

Gazeta Esportiva

TAGS