Victor lamenta tropeço, mas quer Atlético trabalhando pela LibertadoresClube Atlético Mineiro | Times | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Victor lamenta tropeço, mas quer Atlético trabalhando pela Libertadores

O Atlético-MG decepcionou sua torcida na noite deste domingo, no estádio Independência, em Belo Horizonte. O empate sem gols diante do América-MG deixou a equipe estacionada em sexto lugar, agora com 46 pontos, quatro a mais em relação ao Santos. Assim, a vaga na Libertadores, começa a ficar ameaçada com a chegada do Peixe. Após [?]

21:30 | 14/10/2018

O Atlético-MG decepcionou sua torcida na noite deste domingo, no estádio Independência, em Belo Horizonte. O empate sem gols diante do América-MG deixou a equipe estacionada em sexto lugar, agora com 46 pontos, quatro a mais em relação ao Santos. Assim, a vaga na Libertadores, começa a ficar ameaçada com a chegada do Peixe.

Após a partida, Victor, o melhor em campo fez uma análise da partida, concordou com as vaias do torcedor. Porém, quer a equipe trabalhando ainda mais para conseguir a vaga no torneio continental em 2019.

?A gente poderia ter feito um jogo melhor, ter sido um pouco mais incisivo, mais objetivo, ter agredido um pouco mais o adversário, mas não dá para lamentar, é continuar trabalhando, temos o objetivo de buscar essa volta à Libertadores ano que vem, estamos em sexto, é um dos objetivos, mas temos que melhorar nesses nove jogos?, afirmou o jogador ao canal Premiere.

Por fim, o arqueiro pontuou o que faltou aos comandados de Thiago Larghi para terem saído com os três pontos, e lamentou o tropeço, pois era um jogo em que o Atlético contava com a vitória.

?Capricho na finalização (faltou), foi um jogo difícil. O América se defendeu bem, não se limitou a isso, jogou bem, teve boas oportunidades, foi um jogo difícil, um clássico, mas a gente lamenta, porque é um jogo que poderíamos evoluir na tabela e deixamos os pontos em casa?, finalizou.

Na próxima rodada, o Atlético enfrenta o Fluminense, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro às 16h00 (horário de Brasília), no Maracanã.

Gazeta Esportiva

TAGS