PUBLICIDADE
Esportes

Após empate, atleticanos falam em ?erro coletivo? e ?reflexão no momento?

Há três rodadas o Atlético era líder. Era uma equipe animada e o técnico Thiago Larghi se mostrava para o Brasil como uma nova opção no banco de reservas. Bastaram três resultados ruins, um ponto em nove disputados, para a situação virar. Após o empate com a Chapecoense, por 3 a 3, na tarde deste [?]

18:30 | 02/06/2018

Há três rodadas o Atlético era líder. Era uma equipe animada e o técnico Thiago Larghi se mostrava para o Brasil como uma nova opção no banco de reservas. Bastaram três resultados ruins, um ponto em nove disputados, para a situação virar. Após o empate com a Chapecoense, por 3 a 3, na tarde deste sábado, no Independência, os atleticanos pediram cautela para corrigir os erros.

O atacante Ricardo Oliveira disse que o grupo não pode admitir os erros, reconhece que a equipe precisa melhorar e reforça que o momento é de analisar os erros para corrigi-los.

?Tivemos a frente em duas oportunidades, momentos que poderíamos controlar mais. Agora é momento para fazer reflexão, ajustar erros, sabemos que os erros não são permitidos. Isso nos leva a perder pontos, principalmente dentro de casa. É natural o torcedor vaiar. Não podemos permitir seis gols em dois jogos. É um erro coletivo. Estamos falando de seis gols. É um erro coletivo. Precisamos conversar sobre isso. Nossa defesa era consistente, alguma coisa está acontecendo, talvez falta de concentração ou imaturidade? Temos que conversar, observar, ajustar isso para não acontecer mais isso?, salientou.

O atacante Roger Guedes também acredita que o momento é para refletir sobre a situação do Galo e garantiu que os erros são coletivos, de toda equipe, e todos precisam sentar para focar na resolução.

?Triste por três jogos e nenhuma vitória, um ponto em três jogos, perdendo para nós mesmos, não dá pra empatar em casa com um a mais. Levantar a cabeça agora, a tabela está favorecendo a gente antes da Copa. É pontuar o máximo. Erramos, individual, erro coletivo, erramos, erro de movimentação, erros coletivos?, finalizou.

O Galo agora volta aos treinamentos nesta segunda-feira, à tarde, com foco no clássico contra o América, na quinta-feira, no Independência.

Gazeta Esportiva

TAGS