PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Sindicato dos Atletas de São Paulo exige paralisação do Campeonato Brasileiro

Entidade ameaça ir à Justiça caso a CBF não mude os protocolos de saúde para realização do Brasileirão

Vinícius França
11:27 | 12/08/2020
Troféu da Série A do Campeonato Brasileiro  (Foto: Divulgação/CBF)
Troféu da Série A do Campeonato Brasileiro (Foto: Divulgação/CBF)

O Sindicato dos Atletas de São Paulo (Sapesp) enviou um ofício à CBF pedindo a paralisação do Campeonato Brasileiro caso a entidade não altere os protocolos de saúde previstos para a competição. Se as exigências não forem atendidas, o Sindicato ameaça escolher o “caminho do judiciário” para resolver as questões.

No documento, o Sapesp defende duas opções para isolar os clubes e diminuir os riscos da realização do Brasileirão. Uma delas é criar uma “bolha”, assim como está sendo feito com a NBA em Orlando, onde os times disputariam os jogos em apenas uma cidade, com estádios pré-definidos. A outra solução seria isolar as delegações por até sete dias antes da realização de uma partida, tempo suficiente para fazer os exames e conhecer os resultados.

Em nota divulgada no seu site oficial, o Sindicato complementa o texto do ofício: “Em caso de resposta negativa, para a entidade dos jogadores paulistas não restará alternativa a não ser o já conhecido caminho do judiciário”.

Até o momento, três clubes de Série A confirmaram casos de coronavírus: Corinthians, Atlético-GO e Goiás. O caso mais grave foi na Série B: o CSA, que enfrentaria a Chapecoense, teve 18 infectados em seu elenco.