Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Campeão da NBA, Jeremy Lin promete doar US$ 1 milhão para combate ao coronavírus

Astro revelou vontade de ajudar, e definiu combate à doença como um duelo de "trevas contra a luz"
10:32 | Abr. 14, 2020
Autor AFP
Foto do autor
AFP Jornal
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O armador Jeremy Lin, o primeiro asiático-americano a vencer o título da NBA no ano passado com o Toronto Raptors, prometeu nesta segunda-feira doar até um milhão de dólares (920.000 euros) para ajudar no combate à pandemia do novo coronavírus.

O jogador de 31 anos, que se tornou uma sensação em 2012 com uma série de performances espetaculares com o Knicks, explicou no Instagram que vai destinar o dinheiro para o banco de alimentos Feeding America e a ONG Direct Relief.

"Uma maneira de estar do lado certo é apoiar organizações que realizam trabalhos cruciais durante a crise", escreveu Lin no site The Players' Tribune, falando sobre seu compromisso neste "momento", que descreve como um combate das "trevas contra a luz".

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

O agora jogador do Beijing Ducks, que disputa o campeonato chinês (CBA), suspenso desde 1º de fevereiro, acusou o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de estigmatização racista por usar o termo "vírus chinês" várias semanas atrás.

"Sabe, toda a minha vida fui tratado de certa maneira porque sou asiático", acrescentou Jeremy Lin nesta segunda, mencionando alguns estereótipos que ele teve que enfrentar.

"Vai levar tempo para nos recuperarmos disso. Mas durante esse tempo, teremos a oportunidade de nos colocar do lado certo", afirmou.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags