PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Nos pênaltis, Espanha vence Suíça e avança à semifinal da Eurocopa

La Roja enfrenta o vencedor de Bélgica x Itália na semifinal na próxima terça-feira, 6, às 16 horas, no estádio de Wembley

16:55 | 02/07/2021
Espanha se classificou para as semifinais da Eurocopa diante do Suíça nos pênaltis.  (Foto: Kirill Kudryavtsev / AFP)
Espanha se classificou para as semifinais da Eurocopa diante do Suíça nos pênaltis. (Foto: Kirill Kudryavtsev / AFP)

Após empate por 1 a 1 no tempo normal, a Espanha venceu a Suíça, nesta sexta-feira, 2, por 3 a 1 nos pênaltis, pelas quartas de final da Eurocopa. A partida ocorreu em São Petersburgo, na Rússia, e contou com gol contra de Denis Zakaria e um a favor dos suíços, marcado por Xherdan Shaqiri. Com o triunfo, a Seleção Espanhola avança à semifinal da competição.

O primeiro tempo contou com pressão dos comandados por Luis Henrique, que trocaram mais passes e jogaram de forma intensa, o que rendeu gol ainda no início. A Suíça de Vladimir Petkovic, por outro lado, focava na defesa, visando aproveitar um contra-ataque.

A segunda etapa teve a mesma configuração em alguns momentos, mas a Espanha levou menos perigo. Assim, os suíços cresceram no jogo e criaram chances, empatando a partida. Contudo, depois de ficar com um a menos, o time voltou a se defender e levou o jogo para os pênaltis, após a prorrogação.

O jogo - Controlando a partida, a Espanha abriu o placar aos oito minutos, com gol contra de Denis Zakaria. O lateral-esquerdo Jordi Alba finalizou de fora da área, a bola desviou no volante e enganou o goleiro Yann Sommer.

Já na segunda etapa, aos 23, a Suíça deixou tudo igual. Remo Freuler aproveitou falha da defesa espanhola e tocou para Xherdan Shaqiri, pelo meio. De dentro da área, o atacante do Liverpool finalizou rasteiro, no canto direito de Unai Simón, e empatou o confronto.

O volante Freuler, que deu a assistência para Shaqiri, chegou de forma dura no atacante Gerard Moreno. Por conta disso, ele foi expulso nove minutos após o passe para gol. Com um a menos, a equipe aproximou suas linhas e buscou contra-ataques. Os 90 minutos terminaram em empate de 1 a 1.

A prorrogação contou com pressão da Espanha, que chutou muitas vezes – ao todo, foram 28 finalizações da Roja no jogo. Sommer foi o destaque da Suíça, fazendo importantes defesas. No entanto, apesar das chances criadas, a partida foi decidida nos pênaltis.

Nas penalidades máximas, Mikel Oyarzabal converteu a cobrança que garantiu a classificação da Espanha por 3 a 1.

Com a classificação, a Espanha enfrenta Bélgica ou Itália na semifinal. O jogo está marcado para o Estádio de Wembley, na terça-feira, às 16h00 (de Brasília).