PUBLICIDADE
Esportes

Croácia chega a Sochi pensando em adaptação ao clima da cidade

O último semifinalista da Copa da Rússia sairá do duelo entre a anfitriã e a Croácia, no sábado (7), às 15h (de Brasília) e os croatas já chegaram na cidade onde o confronto acontece, Sochi. A pressa em ir até o local do jogo foi uma estratégia da comissão técnica para uma adaptação dos jogadores [?]

18:45 | 02/07/2018

O último semifinalista da Copa da Rússia sairá do duelo entre a anfitriã e a Croácia, no sábado (7), às 15h (de Brasília) e os croatas já chegaram na cidade onde o confronto acontece, Sochi. A pressa em ir até o local do jogo foi uma estratégia da comissão técnica para uma adaptação dos jogadores ao clima diferente da de São Petersburgo, onde jogaram as oitavas.

O clima em Sochi é quente e úmido, a temperatura até o momento não baixou dos 22 graus e choveu apenas um dia durante a Copa. Já em São Petersburgo, onde a temperatura nos últimos dias variou entre 12 e 22 graus, com chuva em alguns dias.

Para o técnico Zlatko Dalic foi um acerto a viagem rápida. ?Foi uma boa decisão vir logo após o jogo. A temperatura é muito maior do onde nós estávamos treinando. Cinco dias será o suficiente para se adaptar. E não é fácil jogar se estiver úmido e quente?, declarou.

Sobre a classificação dramática de sua equipe no dia anterior, nos pênaltis sobre a Dinamarca, o treinador admitiu contar com a sorte, mesmo que Modric tenha desperdiçado um pênalti na prorrogação. ?Desde o começo acreditei no time. Foi muito difícil, um jogo para guerreiros. Sempre acreditávamos, e desta vez, tivemos mais sorte que nas outras vezes. Mas desta vez, as coisas funcionaram. E a sorte só não pode virar contra a gente no próximo jogo?, afirmou.

Gazeta Esportiva

TAGS