PUBLICIDADE
Esportes

"Menino" Neymar chora, xinga e briga, mas faz gol

Um dos preferidos pelos brasileiros, o jogador ofendeu um adversário portorriquenho com palavras de baixo calão, levou cartão amarelo e até brigou com o juiz, pedindo para ele não tocá-lo

13:05 | 22/06/2018
NULL
NULL
[FOTO1]
O segundo jogo da seleção brasileira na Copa do Mundo 2018 na manhã desta sexta-feira, 22, foi cheio de surpresas. Além da vitória sufocada de 2x0 nos últimos minutos da partida, Neymar, autor do segundo gol brasileiro, surpreendeu com atitudes controversas durante o tempo dentro do campo. O jogador ofendeu um adversário portorriquenho com palavras de baixo calão, levou cartão amarelo após dar soco na bola e brigou com o juiz, pedindo para ele não tocá-lo. 
[VIDEO1]
O atacante xingou um jogador da Costa Rica, quando este caiu ao se chocar contra ele. Nervoso, chamou o adversário de “filho da p***” e o mandou “tomar no c*” em espanhol. A atitude foi vista com maus olhos pelo site norte-americano TMZ que, embora tenha classificado o palavreado como "natural" para jogadores de futebol, criticou Neymar por ele ser "um dos maiores e mais famosos jogadores do planeta". 
[VIDEO2]
Revoltado, Neymar deu um soco na bola durante a partida, o que fez com que ele levasse um cartão amarelo pela atitude agressiva. O “menino” ainda brigou com o juiz e disse repetidas vezes “don’t touch me” (“não me encoste”, em inglês). Em momento de desespero, o atacante simulou pênalti ao se jogar no chão, tentativa falha devido ao árbitro de vídeo.

[FOTO2]Já no fim do jogo, Neymar deu uma “lambreta” (passe quando um jogador está prendendo a bola entre os dois pés e a arremessa por cima do adversário) desnecessária, como que para chamar atenção. No último minuto da prorrogação, por fim, o gol, selando a vitória brasileira. De joelho no gramado, o “menino” chora, em frente às câmeras. 
 
Redação O POVO Online 
TAGS
"Menino" Neymar chora, xinga e briga, mas faz golCopa do Mundo | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes

"Menino" Neymar chora, xinga e briga, mas faz gol

Um dos preferidos pelos brasileiros, o jogador ofendeu um adversário portorriquenho com palavras de baixo calão, levou cartão amarelo e até brigou com o juiz, pedindo para ele não tocá-lo

13:05 | 22/06/2018
NULL
NULL
[FOTO1]
O segundo jogo da seleção brasileira na Copa do Mundo 2018 na manhã desta sexta-feira, 22, foi cheio de surpresas. Além da vitória sufocada de 2x0 nos últimos minutos da partida, Neymar, autor do segundo gol brasileiro, surpreendeu com atitudes controversas durante o tempo dentro do campo. O jogador ofendeu um adversário portorriquenho com palavras de baixo calão, levou cartão amarelo após dar soco na bola e brigou com o juiz, pedindo para ele não tocá-lo. 
[VIDEO1]
O atacante xingou um jogador da Costa Rica, quando este caiu ao se chocar contra ele. Nervoso, chamou o adversário de “filho da p***” e o mandou “tomar no c*” em espanhol. A atitude foi vista com maus olhos pelo site norte-americano TMZ que, embora tenha classificado o palavreado como "natural" para jogadores de futebol, criticou Neymar por ele ser "um dos maiores e mais famosos jogadores do planeta". 
[VIDEO2]
Revoltado, Neymar deu um soco na bola durante a partida, o que fez com que ele levasse um cartão amarelo pela atitude agressiva. O “menino” ainda brigou com o juiz e disse repetidas vezes “don’t touch me” (“não me encoste”, em inglês). Em momento de desespero, o atacante simulou pênalti ao se jogar no chão, tentativa falha devido ao árbitro de vídeo.

[FOTO2]Já no fim do jogo, Neymar deu uma “lambreta” (passe quando um jogador está prendendo a bola entre os dois pés e a arremessa por cima do adversário) desnecessária, como que para chamar atenção. No último minuto da prorrogação, por fim, o gol, selando a vitória brasileira. De joelho no gramado, o “menino” chora, em frente às câmeras. 
 
Redação O POVO Online 
TAGS