PUBLICIDADE
Esportes

Liderança do grupo G pode ser decidida em cartões amarelos

Inglaterra e Bélgica já asseguraram uma vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo, no entanto, ainda têm de decidir quem irá avançar à próxima fase na liderança do Grupo G. Com uma campanha surpreendentemente idêntica, as duas equipes se enfrentam na última rodada e, em caso de empate, podem ter de definir seus [?]

09:45 | 25/06/2018

Inglaterra e Bélgica já asseguraram uma vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo, no entanto, ainda têm de decidir quem irá avançar à próxima fase na liderança do Grupo G. Com uma campanha surpreendentemente idêntica, as duas equipes se enfrentam na última rodada e, em caso de empate, podem ter de definir seus respectivos postos na chave através da quantidade de cartões que cada uma levou.

Enquanto a Bélgica estreou com uma vitória contundente sobre o Panamá por 3 a 0, a Inglaterra teve mais dificuldades para superar a Tunísia por 2 a 1. Depois, os ingleses enfrentaram os panamenhos e desta vez não tiveram dificuldades para estufar as redes, saindo de campo com o notável triunfo por 6 a 1. A Bélgica também aplicou uma senhora goleada sobre os tunisianos: 5 a 2.

Desta forma, Bélgica e Inglaterra figuram na ponta da tabela com campanhas completamente idênticas. Ambos possuem o mesmo número de gols marcados, gols sofridos e pontos. O equilíbrio é tamanho, que o próximo critério de desempate seria o número de cartões amarelos recebidos por cada equipe. No momento, os ingleses lideram o Grupo G justamente pelo fato de seus jogadores terem sido menos advertidos com cartão que os seus próximos rivais da chave.

A Inglaterra até agora recebeu apenas dois cartões amarelos somando os dois jogos que disputou na Copa do Mundo. Na partida de estreia, contra a Tunísia, o lateral-direito Walker acabou ?amarelado?. Depois, contra o Panamá, foi a vez de Loftus-Cheek ser advertido.

Pelo lado da Bélgica, a situação é um pouco diferente. Os Red Devils não receberam cartões amarelos na goleada por 5 a 2 sobre a Tunísia, porém, no primeiro jogo do Mundial, contra o Panamá, Vertonghen, Meunier e De Bruyne foram advertidos pela arbitragem, o que faz com que a equipe tenha um cartão a mais que a Inglaterra e, portanto, figure na vice-liderança do grupo.

Inglaterra e Bélgica protagonizam o tão esperado duelo do Grupo G na próxima quinta-feira, às 15h (de Brasília), em Kaliningrado. Resta saber se a liderança da chave será decidida nos cartões amarelos pela primeira vez na história dos Mundiais.

Gazeta Esportiva

TAGS