Cristiano Ronaldo adia decisão sobre continuidade na seleção portuguesaCopa do Mundo | Esportes O POVO
PUBLICIDADE
Esportes


Cristiano Ronaldo adia decisão sobre continuidade na seleção portuguesa

19:15 | 30/06/2018
NULL
NULL

[FOTO1] A derrota por 2 a 1 para o Uruguai, neste sábado, em Sochi, pode ter sido a última apresentação de Cristiano Ronaldo em uma Copa do Mundo. Aos 33 anos, o astro do Real Madrid não sabe se terá condições físicas de continuar a ajudar a seleção de Portugal até o próximo Mundial, no Catar.

“Não é o momento de falar do futuro”, desconversou Cristiano Ronaldo, assegurando não ser imprescindível para Portugal. “Tenho certeza de que a seleção continuará sendo uma das melhores do mundo, com grandes jogadores e um grupo fantástico, jovem, com ambição de triunfar”, acrescentou.

Cristiano Ronaldo participou das Copas do Mundo de 2006, 2010, 2014 e 2018, mas teve o seu maior feito a serviço de Portugal em 2016, com a conquista da Eurocopa. Curiosamente, o jogador com quem dividiu o protagonismo no cenário mundial nos últimos anos, o meia argentino Lionel Messi, também foi eliminado nas oitavas de final do torneio realizado na Rússia neste sábado, com uma derrota por 4 a 3 para a França.

De qualquer forma, Cristiano Ronaldo demonstrou estar satisfeito com a campanha lusitana na Copa de 2018. Ele liderou a equipe que, no grupo B, empatou por 3 a 3 com a Espanha (com três gols dele), venceu o Marrocos por 1 a 0 (com um gol dele) e não foi além de um empate por 1 a 1 com o Irã. Contra o Uruguai, Portugal teve 61% de posse de bola, mas acabou derrotado com dois gols do atacante Cavani – o defensor brasileiro Pepe descontou.

“Portugal foi bem. Jogou melhor do que o Uruguai, mas o futebol é assim. Quem marca mais gols é que ganha. O Uruguai está de parabéns. Saímos de cabeça erguida, pois demos o nosso melhor. Como capitão, sinto-me orgulhoso da equipe e de todos que trabalharam arduamente conosco”, comentou Cristiano Ronaldo.


Gazeta Esportiva

TAGS