PUBLICIDADE
Esportes

Após vitória, torcida comemora classificação do Brasil às oitavas

O Brasil sofreu bem menos que o esperado, conseguiu bater a Sérvia por 2 a 0, pela terceira rodada da fase de grupos e garantiu vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo. Nesta quarta-feira, a torcida brasileira acompanhou a partida no Vale do Anhangabaú, em São Paulo, um dos pontos de encontro dos [?]

19:45 | 27/06/2018

O Brasil sofreu bem menos que o esperado, conseguiu bater a Sérvia por 2 a 0, pela terceira rodada da fase de grupos e garantiu vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo. Nesta quarta-feira, a torcida brasileira acompanhou a partida no Vale do Anhangabaú, em São Paulo, um dos pontos de encontro dos torcedores para acompanharem os jogos.

Antes do confronto, os torcedores esbanjavam animação, creditada à eliminação da Alemanha, que se despediu do Mundial, após perder para a Coréia do Sul: ?Claro que tô feliz. Na última Copa humilharam a gente?, afirmou Claudio Henrique, que, curiosamente, acertou o placar da partida: ?Vai ser 2 a 0. Mas tem que jogar bola?, completou.

Muito se especulava se o técnico Tite mudaria o time titular ou não. Um dia antes de encarar os sérvios, o treinador confirmou a mesma equipe que bateu a Costa Rica. A torcida concordou com o comandante: ?Acho que tem que manter o time, com Neymar, Marcelo, Paulinho, Coutinho, etc. Esse time precisa estar entrosado?, disse Anderson Ribeiro.

Quando as seleções entraram em campo, o público ficava cada vez mais animado, especialmente quando o hino nacional foi tocado, que seguindo o exemplo dos jogadores, cantaram à capela.

Assim que a partida começou, os fãs seguiam empolgados com a Seleção Brasileira. Aos nove minutos, o lateral-esquerdo Marcelo, acabou tendo que ser substituído por lesão, e teve que deixar o gramado. A torcida o aplaudiu muito, mas com olhares de preocupação, já visando a sequência do Mundial.

O ritmo do primeiro tempo era lento, mas, aos 35, Coutinho lançou Paulinho, que tocou na saída do goleiro para abrir o placar, e proporcionar a festa da massa brasileira. O tento, foi um alívio, pois os fãs estavam mais tranquilos e confiantes no Brasil.

No intervalo, Geraldo Augusto elogiou a postura do time de Tite na primeira etapa: ?O primeiro tempo foi melhor (em relação aos jogos contra Suiíça e Costa Rica), o time está mais entrosado?, afirmou. O torcedor ainda aproveitou a oportunidade para listar os possíveis adversários duros do Brasil na Copa: ?O Uruguai, a Argentina, depois de ontem, com certeza vai chegar, a Rússia também?, opinou.

Em compensação, o público sofreu no segundo tempo, pois a Seleção não definia o jogo, e quando a Sérvia chegava, a apreensão era ainda maior. Entretanto, aos 23 minutos, Neymar cobrou escanteio e Thiago Silva cabeceou para ampliar. Foi o gol para definir a partida e dar tranquilidade não apenas ao time, mas aos torcedores que acompanhavam o confronto. Com o jogo e a classificação na liderança definidos, a torcida festejava a boa vitória, esperando apenas o árbitro encerrar o jogo.

O próximo adversário do Brasil será o México. Adriano Reis, um dos torcedores presentes no Anhangabaú fez elogios aos comandados de Juan Carlos Osorio: ?O time do México é bom, vem em uma ascendente, ganhou da Alemanha, vai ser difícil?, analisou.

Classificada em primeiro lugar do Grupo E, a Seleção Brasileira encara os mexicanos na próxima segunda-feira às 11h (de Brasília), em Samara.

*Especial para a Gazeta Esportiva

Gazeta Esportiva

TAGS