PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Com gol de Magno Alves, Atlético Alagoinhas vence Bahia pelo Campeonato Baiano

O atacante está com 44 anos e está no 18º clube da carreira

Gabriel Lopes
20:08 | 23/07/2020
Magno Alves, pelo Atlético Alagoinhas, enfrentando o Bahia (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)
Magno Alves, pelo Atlético Alagoinhas, enfrentando o Bahia (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Sim, ele está na ativa, e fazendo aquilo que sempre fez na longínqua carreira no futebol: gol. Magno Alves, atacante de 44 anos do Atlético Alagoinhas, da Bahia, marcou nesta quinta-feira, 23, o gol da vitória de sua equipe contra o Bahia, que escalou time misto (com jogadores que não atuaram nesta quarta-feira, 22, pela Copa do Nordeste) no estádio Pituaçu. O triunfo deixou o Atlético-BA na terceira posição do Campeonato Baiano, com 14 pontos, dentro da zona de classificação às semifinais do estadual. Já o Esquadrão de Aço está na segunda colocação, com 15 pontos, e finaliza sua participação na primeira fase contra o Fluminense de Feira, no próximo domingo, 26.

Esse foi o segundo gol do "Magnata" no Campeonato Baiano. O jogador falou após o jogo com o Grupo Globo e comentou o tento marcado de cabeça. "Feliz, né? Principalmente pelo retorno do futebol baiano. Marcando gol, fazendo o gol da vitória, galera lá de Fortaleza ligada. Fizemos por onde nesse hoje, e toda a equipe está de parabéns", disse.

O baiano de Aporá também falou sobre a forma física aos 44 anos de idade. "Roger [Machado] até brincou comigo [sobre a longevidade], 44 anos e ainda dando um caldo. É se cuidar. A vida do atleta é se cuidar. Fui um privilegiado. Não tenho tendência para engordar. Boa essa notícia da gente no G-4", ressaltou.

O treinador do Atlético Alagoinhas, Agnaldo Liz, chegou a atuar com Magno em 2001, pelo Fluminense. O técnico deixou o time B do Vitória-BA e assumiu o Atlético durante a pandemia do novo coronavírus. A equipe do interior baiano encerra sua participação na primeira fase do estadual no próximo domingo contra o líder da competição, o Jacuipense, que soma 15 pontos.

Magno Alves teve uma trajetória de sucesso no futebol brasileiro e asiático. Ele marcou, ao todo, 447 gols na carreira. Pelo Ceará, clube que teve três passagens (2010, 2012-2015 e 2017), foram 103 tentos anotados em 224 jogos, o que tornou ele o sexto maior artilheiro da história do Vovô. Ele também foi goleador no Fluminense onde, em duas passagens (1998-2002 e 2015-2016), fez 124 gols em 331 jogos. Magno é o nono maior artilheiro do Tricolor Carioca, junto com Washington, atacante do Flu nos anos 1980.