PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Premier League anuncia aporte financeiro de R$ 815 milhões para clubes de divisões inferiores

Liga anunciou aporte financeiro para todas as divisões profissionais e semi-profissionais da Inglaterra. Ajuda ao sistema de saúde nacional também foi divulgado

Gerson Barbosa
16:46 | 03/04/2020
Times da segunda divisão, como o Leeds (foto), até a sexta divisão devem ser ajudados
Times da segunda divisão, como o Leeds (foto), até a sexta divisão devem ser ajudados (Foto: Divulgação/Leeds United)

Neste período de paralisação do futebol por conta da crise do novo coronavírus, diversas entidades pelo mundo estudam variáveis que envolvem o momento atual. Com a Premier League não é diferente. A liga inglesa, por meio de nota nesta sexta-feira, 3, tomou algumas decisões, como não retornar o esporte no começo de maio e doação de R$ 815 milhões para ajudar nas dificuldades de ligas inferiores na Inglaterra.

A Premier League, que é independente da Federação Inglesa de Futebol (FA), havia determinado que o futebol da competição poderia retornar no início de maio, sendo essa a previsão inicial. Mas na publicação desta sexta isso mudou. "Foi tomado o conhecimento de que a Premier League não vai retornar no começo de maio, e que a temporada 2019/20 só vai voltar quando for seguro e apropriado para todos", lê-se na nota.

+ Governo da Inglaterra pede que atletas da Premier League reduzam salário em meio ao coronavírus

Foi divulgado também um balanço de £ 125 milhões (cerca de R$ 815 milhões na cotação atual) que a liga vai doar para sustentar as ligas da English Football League (EFL, que atende da segunda a quarta divisão) e da National League (quinta e sexta divisões), abrangendo, portanto, todo o futebol profissional e semi-profissional da Inglaterra. A partir da sétima divisão é considerado amador.

"Outra anônima votação confirmou o avanço de £ 125 milhões para ajudar os clubes da EFL e National League durante essa crise. A Premier League quis lidar com o imediato impacto da falta de movimentação de receitas no futebol", relatou a liga.

Por fim, a Premier League disponibilizou £ 20 milhões (R$ 130 milhões) para a NHS, o sistema nacional de saúde da Inglaterra. "Vamos contribuir com a NHS, comunidades, famílias e grupos de vulnerabilidade durante a pandemia da Covid-19. Vai incluir uma contribuição direta à NHS e fundos para possibilitar clubes a focar os seus esforços e desenvolver programas significantes para ajudar comunidades", informa a nota.