PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Marta se iguala a Klose na artilharia das Copas e alcança feito inédito

Marta marcou o seu de pênalti na derrota para Austrália

10:51 | 14/06/2019
Marta marcou o seu de pênalti na derrota para Austrália
Marta marcou o seu de pênalti na derrota para Austrália (Foto: AFP)

O resultado não foi o esperado, mas uma das estrelas da Seleção Brasileira feminina alcançou um feito inédito ao marcar o primeiro gol da derrota para a Austrália, por 3 a 2, na última quinta-feira. A camisa 10 Marta, eleita seis vezes a melhor do mundo pela Fifa, se tornou a primeira jogadora a marcar em cinco Copas diferentes, além de ter se igualado ao alemão Klose na artilharia histórica da competição.

Fora da estreia contra a Jamaica por conta de lesão, a atacante entrou como titular diante das australianas e balançou as redes de pênalti, tendo se igualado a Miroslav Klose, que também soma 16 gols, mas na edição masculina. Como se não bastasse, Marta ainda tornou-se a primeira, entre homens e mulheres, a marcar em cinco edições diferentes da Copa.

2007 foi o ano que a artilheira marcou mais gols, sete, tendo sido a artilheira do torneio, que aconteceu na Alemanha. Relembre abaixo todos os gols de Marta em Copas do Mundo:

– 2003: um contra a Coreia do Sul (3 -0), um contra a Noruega (4-1) e um contra a Suécia (1-2)

– 2007: dois gols contra a Nova Zelândia (5-0), dois contra a China (4 -0), um contra a Austrália nas oitavas (3-2), dois contra os Estados Unidos na semifinal (4-0)

– 2011: dois contra a Noruega (3-0), dois contra os Estados Unidos nas quartas de final (2-2)

– 2015: um gol contra a Coreia do Sul (2 -0)

– 2019: um gol contra a Austrália (2-3)

O Brasil começou vencendo por 2 a 0, com gols de Marta e Cristiane, no entanto, levou o primeiro gol da Austrália nos acréscimos do primeiro tempo e os dois gols que dariam a vitória às adversárias no segundo tempo. Com o resultado, a Seleção decidirá a vaga para as oitavas de final diante da Itália na próxima terça-feira – as italianas ainda jogam nesta rodada contra as jamaicanas.

O Povo