PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Bergson, Kieza e Mateus Gonçalves são regularizados e podem estrear por Ceará e Fortaleza

Jogadores tiveram seus nomes publicados no boletim antes do início do Brasileirão, portanto não entram na cota dos cinco atletas que são contratados de outros times da Primeirona

14:56 | 26/04/2019
Bergson e Kieza já treinam nos clubes
Bergson e Kieza já treinam nos clubes (Foto: Miguel Locatelli/CAP e Alex Gomes/Especial para O POVO)

Com os clubes correndo contra o tempo para colocar atletas no Boletim Informativo Diário da CBF antes do início da Série A, três atletas tiveram seus nomes publicados nesta sexta-feira, 26. No Fortaleza, Kieza. No Ceará, Mateus Gonçalves e Bergson. Regularizados, o trio já pode estrear por suas equipes na Série A do Campeonato Brasileiro. 

Por serem atletas que estavam em times da primeira divisão, tanto Ceará quanto Fortaleza correram contra o tempo para regularizar os jogadores antes da bola rolar na Série A. Isso porque tem uma cota de apenas cinco atletas que podem ser regularizados vindo de outros clubes da Primeirona.

Mateus Gonçalves estava no Fluminense.
Mateus Gonçalves estava no Fluminense. (Foto: Lucas Merçon/Divulgação/Fluminense )

Bergson e Mateus Gonçalves (em destaque na foto) podem estrear no Ceará já no domingo, 28, se entrar em campo pela primeira rodada da Série A contra o CSA-AL, na Arena Castelão, às 16 horas. Já o atacante Kieza poderá jogar seu primeiro jogo pelo Fortaleza no mesmo dia, mas às 19 horas no Allianz Parque, em São Paulo, contra o Palmeiras.

SITUAÇÃO DE THIAGO GALHARDO NO BID

Como o Esportes O POVO vem noticiando durante esta semana, o meia Thiago Galhardo está próximo de acertar com o Ceará. Nesta sexta-feira, 26, o jogador teve sua rescisão publicada no BID e ainda hoje deve ser regularizado no Alvinegro.

Confira o episódio do Futcast da semana, falando das expectativas do Ceará e Fortaleza no Brasileirão:

Listen to "#51 - O que esperar de Ceará e Fortaleza na Série A?" on Spreaker.

Veja também o último episódio do "Na Prancheta":