Participamos do

Goleiro da Ferroviária pede ?espírito de quem quer fazer história?

Para o goleiro Gabriel Leite, da Ferroviária, a equipe de Araraquara precisa levar o Campeonato Paulista por um passo de cada vez para ter sucesso. Em entrevista exclusiva para a Gazeta Esportiva, o arqueiro pregou calma aos companheiros e pediu para os jogadores entrarem em campo ?pilhados?. ?O Campeonato Paulista é um torneio difícil, temos que [?]
08:30 | Jan. 18, 2019
Autor O POVO
Foto do autor
O POVO Jornal
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Para o goleiro Gabriel Leite, da Ferroviária, a equipe de Araraquara precisa levar o Campeonato Paulista por um passo de cada vez para ter sucesso. Em entrevista exclusiva para a Gazeta Esportiva, o arqueiro pregou calma aos companheiros e pediu para os jogadores entrarem em campo ?pilhados?.

?O Campeonato Paulista é um torneio difícil, temos que ir por partes. Temos que, primeiramente, conseguir uma pontuação para não cair, depois alcançar pontuação para se classificar. É preciso colocar metas que vem antes de uma final. Mas, como a gente vem falando na Ferroviária, nós precisamos entrar com um espírito de quem quer fazer história. Se colocarmos em prática tudo que estamos treinando, podemos ter uma boa história nesse campeonato?, afirmou.

Com passagens por Luverdense e Red Bull Brasil, o atleta de 31 anos revelou ter altas expectativas para a disputa do Estadual. ?É uma expectativa muito grande tenho no momento. Por ser um Campeonato Paulista, a gente sabe que tem uma visibilidade muito grande. É importante para nós mostrarmos o nosso trabalho?, contou.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Por fim, Gabriel Leite apontou a experiência como o aspecto em que ele mais pode servir de ajuda à Ferroviária. ?Acredito que posso passar um pouco da experiência e da vivência, mesmo sabendo que cada campeonato é um campeonato diferente. Acho que isso vai ser algo importante para o nosso grupo?, falou.

?Dentro de campo, é fazer aquilo que passam para nós, tentando ajudar como um goleiro precisa, defendendo. Mas, no futebol moderno, o goleiro também ajuda com a construção de jogada, então espero também ajudar dessa maneira?, finalizou.

* Especial para a Gazeta Esportiva

Gazeta Esportiva

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags