Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Emocionada, Marta destaca crescimento do futebol feminino no Brasil

A Seleção Brasileira de futebol feminino está treinando na Granja Comary, em Teresópolis, visando a disputa da Copa do Mundo, que será realizada entre os dias sete de junho e sete de julho na França. Prestes a jogar seu quinto Mundial, Marta foi às lágrimas ao relembrar Pretinha e Formiga e traçar um panorama do [?]
07:15 | Jan. 22, 2019
Autor O Povo
Foto do autor
O Povo Jornal
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A Seleção Brasileira de futebol feminino está treinando na Granja Comary, em Teresópolis, visando a disputa da Copa do Mundo, que será realizada entre os dias sete de junho e sete de julho na França. Prestes a jogar seu quinto Mundial, Marta foi às lágrimas ao relembrar Pretinha e Formiga e traçar um panorama do crescimento da modalidade no Brasil.

?A gente trabalha para ganhar títulos, algo nítido, oportunidades. Mas voltar aqui na Granja e ver como tudo mudou. Ver que realmente nossa modalidade está crescendo porque a Formiga há 25 anos começou, pela Pretinha, há 30 anos. Não é uma coisa que acontece de um dia para o outro. Para nós que estamos voltadas para essa luta, isso é muito melhor que um título?, declarou.

Com tamanha bagagem na Seleção Brasileira, Marta destacou o papel das veteranas na adaptação das mais jovens. ?Nossa participação requer também a experiência. Usar isto de uma forma positiva. Ajudar as meninas que estão chegando agora. A gente faz isso muito bem. Precisamos que elas sintam-se melhores. Contar com a Cristiane e a Formiga é uma motivação a mais. Muito importante para equipe?, afirmou.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

A Rainha ainda despistou sobre sua aposentadoria, mas revelou não que deve alcançar a longevidade da volante Formiga, que segue na ativa no auge de seus 40 anos. ?Eu já fiz as contas em outras ocasiões. E continuo jogando. Isso não é uma coisa que me tira foco. Procuro viver um dia de cada vez. Tentando me manter da melhor maneira. Tentando competir em alto nível. Sentindo se dá para levar mais alguns anos. Não vou conseguir jogar tanto como a Formiga, mas é uma motivação acompanhá-la nos treinamentos?, destacou.

Integrando o Grupo C do Mundial, o Brasil enfrentará Itália, Austrália e Jamaica na primeira fase. A estreia está programada para o dia 9 de junho, diante das jamaicanas, no Estádio dos Alpes.

Gazeta Esportiva

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags